Troféu Imprensa Virtual 2019 | Bloco 01 - WebTV - Compartilhar leitura está em nosso DNA

O que Procura?

HOT 3!

Troféu Imprensa Virtual 2019 | Bloco 01

Troféu Imprensa Virtual 2019 | Bloco 01
Compartilhe:
Troque a Fonte Aqui

 
 
P!NK - SO WHAT
     
 
 
 
 
     
 



 

#FiqueEmCasa

 

 

GABO: A Pink é espetacular. Que apresentação incríveeeeeeeel. Boa nooooite, Mundo Virtual. Boa noite, Marcos.

MARCOS VINICIUS: Boa noite galera. Boa noite Gabooo. Que alegria estar aqui. Que apresentação esta da Pink. Que vibe boaaaa!

GABO: A Pink sobrevoando a plateia, acenando, que surreal e a música So Whaaaat marcou época e aquele refrãooo?


So, so what?
I'm still a rock star
I got my rock moves
And I don't need you
And guess what
I'm having more fun
And now that we're done
I'm gonna show you tonight
I'm alright, I'm just fine
And you're a tool
So, so what?

Me empolguei kkkkkkkkkkk

MARCOS: To vendo kkkkk. Ela é demaaaais! Mas é que nem eu estava te falando, este ano o TI vem com tudo! Já começamos arrebentando com esta apresentação, meu amigo.

GABO: Com a energia positiva da Pink, começamos o Troféu Imprensa Virtual 2019. Daqui a pouco a Pink volta no nosso palco.
Marcos, nesse período de isolamento é importante que todo mundo fique em casa. Amanhã é feriadão então, seguimos a hashtag #FiquEemCasa e acompanhe o Troféu Imprensa.

 

MARCOS: Com certeza, Gabo. Não podemos facilitar. Não podemos dar chances para o azar. Vamos nos cuidar. Ficar em casa. Sair somente para o necessário, e de máscara. Logo logo, tudo voltaram ao normal.

 

GABO: #FiqueEmCasa, galera... Hoje, o programa conta com a presença de 12 jurados.

MARCOS: E no nosso corpo de jurados temos pessoas talentosíssimas e influentes dentro do Mundo Virtual. Temos autores, temos jornalistas, só pessoas do mais alto padrão.

GABO: Aproveitando que estamos falando de premiação, o TI2020 está com a votação aberta. O público pode votar quantas vezes quiser. Você já votou hoje, Marcos?


 

 


 



MARCOS: Isso mesmo Gabooo. Votem lá pessoal. Eu já votei uma, duas, três, nem sei quantas vezes. E antes de dormir vou votar de novoo!!!

GABO: Sigam o exemplo do Marcos, galera. A votação vai até às 23h59 do dia 8 de maio. Votem, votem e votem. Em breve vamos conhecer os melhores do ano passado, mas hoje o foco é falar sobre os melhores de 2018. Tem dramaturgia literária, roteirooo.

MARCOS: Tem jornalismo, tem entretenimento. No total temos 34 categorias, incluindo a grande revelação do ano. Aiaiai já estou ansioso Gabo!

GABO: Eu também estou ansioso. Marcos, eu sou suspeito falar, mas o Troféu Imprensa é um momento emocionante. Começamos com a abertura das inscrições, na sequência vem a análise dos inscritos, logo depois temos o período de votação, em seguida os jurados recebem o documento com os três mais votados e no fim temos o reconhecimento com os vencedores. A noite reserva grandeeeeeees surpresas.

MARCOS: Com certeza, Gabo. Cada etapa nos proporciona momentos únicos. É algo gratificante para todos. E neste ano tivemos mais de 500 votos. É uma marca incrível!

GABO: Está quase na hora de conhecermos os melhores de 2018, maaaas antes bora conhecer os jurados?

MARCOS: Vamos simmm! Afinal, estes são peças fundamentais neste evento.

GABO: Exaaato. Os jurados são responsáveis por tornar o nosso evento um sucesso. Vamos conhecê-los. Produção, pode sooltar a abertura com aquela trilhaaaa incrível e animadaaa. Bora dançar Marcooos kkkkkkkkkkkkk.


MARCOS: Vamos simmm! Bora animar galera!

 
     
 
     
 
 
 
 
     
CRISTINA RAVELA: Boa noite a todos! Vamos começar mais uma noite de entrega de prêmios com o Troféu Imprensa 2019. Tivemos votos acirrados, forte disputa, e hoje vamos descobrir quem são os melhores do ano, segundo o voto técnico. Apreciem com moderação, e não saiam de casa para comemorar, hen!

DOMINGOS SANTIAGO:
É minha primeira participação do Troféu Imprensa da Rede WebTV e sempre admirei de fora a organização da premiação que cada vez mais tem contemplado obras diversas. É uma premiação plural que tem se renovado e permitido que obras diferentes e de outros sites, web emissoras participarem. É uma honra estar entre os jurados. 
 

MELQUI RODRIGUES: Mais um ano tendo a honra de ser jurado do TI e posso dizer que esse ano temos muitas obras maravilhosas concorrendo. Quem será que vai ganhar? Minhas expectativas estão muito boas.
 

EVERTON BRITO: Mais uma premiação acontece e eu, como um dos jurados, não pude deixar de ficar ansioso. Esse é o momento em que os autores são prestigiados pelo seu esforço e trabalho do ano inteiro. Vocês verão um evento extraordinário que no final não deixará de ser emocionante.
 
KAX SILVA: Estou numa expectativa maior nas categorias de séries e shows. Tivemos produções incríveis concorrendo, até na hora de julgá-las tive uma certa dificuldade, afinal, só podia escolher uma. Todos que concorrem aqui já são vencedores.
 
JAIME LUCAS: Espero que a edição seja novamente de muita harmonia. E é bom lembrar que não só os vencedores, nem só os indicados, são vencedores. Somos todos vencedores por estarmos aqui enriquecendo o MV. Boa sorte a todos!
 
DÉBORA COSTA: Oi gente, tudo bem? Obrigada pelo convite para participar dessa premiação incrível do MV. Estou ansiosa para relembrar as obras maravilhosas que tivemos.
 
HUGO MARTINS: É uma grande honra participar da bancada de jurados do TI 2019. Quero agradecer a confiança que a direção da emissora me delegou. E dizer que votei da maneira mais imparcial e técnica possível. Avaliando o impacto de cada obra, seus temas e sua abordagem. É como admirador de uma boa história que pautei o meu voto. Espero que tenhamos um evento inesquecível! É isso aí!
 
JOÃO PAULO RITTER: Estou ansioso com mais essa confraternização do mundo virtual, como sou uma pessoa de poucas palavras eu vou dizer: esse ano está muito bom!
 
MIGUEL RODRIGUES: Estou muito ansioso por esse evento, sei que todos os indicados para essa premiação de alguma forma fizeram por merecer estar aqui. Pra mim é uma honra fazer parte do corpo de jurados desse grande acontecimento para o Mundo Virtual e eu como presidente da DNA TV e em nome dela e de todos os meus colaboradores, desejo boa sorte e boas vibrações para todos os indicados. Que os premiados tenham feito por merecer o prêmio e os que não levarem o prêmio também se sintam premiados por terem chegado até aqui, por terem sido indicados para estarem nesse evento. Minha expectativa é melhor possível, que todos tenham consciência de que não existe melhor ou pior, todos são bons naquilo que fazem e no gênero que mais se identificam.

DIOGO DE CASTRO: Olá pessoal!!! É com imenso prazer que estou aqui mais uma vez participando como jurado do troféu imprensa, a maior premiação do mundo virtual. Esse ano promete!
 
MARCELO DELPKIN: É muito bom estar novamente no júri do Troféu Imprensa e poder participar da eleição das obras que mais destacaram neste ano.
 
     
 
     
  MARCOS: E que corpo de jurados, ein Gabo?

GABO:
Sim, um elenco de peso do MV. Quero aproveitar e parabenizar a Cristina Ravela pela criação do novo logotipo do Troféu Imprensa, ficou muitooo foda. Na primeira categoria da noite vamos falar sobre roteiro.

MARCOS VINICIUS:
As séries e minisséries mexem com o público do Mundo Virtual. São obras instigantes, marcantes e com variedade de temas. Elas possuem a capacidade de prender o leitor e alavancar as audiências de quaisquer emissoras.

As séries e minisséries concorrentes, em formato de roteiro, possuem todas estas características. São elas: As Mulheres da Minha Vida e Perfil Fake.
 
     
MELHOR SÉRIE / MINISSÉRIE (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

MARCELO DELPKIN: A minissérie de Rynaldo Nascimento acertou em cheio nos temas desenvolvidos, como a manipulação de pessoas através de falsidades cibernéticas e nas mais diversas consequências. Voto em Perfil Fake. As Mulheres da Minha Vida foi uma comédia bem agradável.

DIOGO DE CASTRO:
Nesta categoria todas as obras são muito bem concebidas com ótimas estruturas de roteiro. Aliás, preciso comentar que de uns anos pra cá a qualidade dos roteiros têm melhorado significativamente no mundo virtual. Meu voto vai para Perfil Fake que apresenta mais agilidade que os demais e particularmente gosto mais.

KAX SILVA:
Perfil Fake eu cheguei até a fazer uma crítica no Boletim Virtual sobre a obra. Foi, se dúvidas uma das grandes séries/minisséries de 2018. Não vou me estender muito no meu argumento, quem quiser saber mais sobre a minha opinião sobre ela só acessar lá o Boletim Virtual da WebTV no quadro Visão Crítica.

JOÃO PAULO RITTER: Perfil Fake.
A proposta é interessante, mais um belo trabalho do autor.

MIGUEL RODRIGUES: Perfil Fake.

 
     
 
     
 


 

MARCOS: E a grande vencedora, com unanimidade na votação, é... Perfil Fake.

GABO:
A próxima categoria envolve personagens que possuem ligações com os protagonistas. Estou falando dos coadjuvantes. Em 2018 a Gildete de Perfil Fake e Jaílsa Tentação da minissérie As Mulheres da Minha Vida
foram os destaques e, por esse motivo, disputam o prêmio de melhor coadjuvante. E aí, jurados, quem leva o prêmio pra casa?

 
     
Série/Minissérie: MELHOR COADJUVANTE (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

DIOGO DE CASTRO: As duas coadjuvantes têm em comum o traço cômico e são ótimas de serem lidas, a Gildete com toda sua crentelhice e a Jailsa sempre pronta pra um barraco. Aqui meu voto vai para Jailsa de As Mulheres da Minha Vida.

JOÃO PAULO RITTER: 
Gildete - Perfil Fake.

KAX SILVA: Gildete foi o retrato da hipocrisia e do fanatismo religioso que sempre assolou o Brasil. Como perfil Fake foi uma obra bem realística, a personagem foi bem fidedigna a muitas mulheres por aí, e ainda colocou política no meio (por ser a primeira-dama do município). Meu voto é nela.

MIGUEL RODRIGUES: Gildete - Perfil Fake.

MARCELO DELPKIN: Muitas atrizes do mundo real gostariam de obter o êxito alcançado por Jailsa Tentação. É raro o fato de uma personagem virtual se tornar sinônimo de comportamentos e costumes piriguetianos (rsrs) perfeitamente arquitetados por Everton Brito. Meu voto vai pra ela. Gildete também foi uma ladra de cenas na trama da Megapro e afetou bastante a vida dos outros personagens de Perfil Fake.

 
     
 
     
 


GABO:
Com 3 votos a Gildete de Perfil Fake foi a melhor coadjuvante de 2018.

MARCOS:
O antagonista de uma história também necessita ter uma grande empatia. Além disso, ele precisa se mostrar forte o suficiente para se impor e atravessar o caminho do protagonista, impedindo-o de atingir seus objetivos. Os concorrentes nesta categoria são:

Ado - As Mulheres da Minha Vida

Mario - Perfil Fake

 
     
Série/Minissérie: MELHOR ANTAGONISTA (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

HUGO MARTINS: Ado. Esse cara é um pilantra.

 

MARCELO DELPKIN: Mário é o personagem que todos gostariam de criar numa obra. Cheio de nuances do bom ao mau, sedutor, carismático e que “sabe” como agir em muitas situações. É muito difícil um autor lidar com um personagem tão complexo, e nisso Rynaldo Nascimento está de parabéns. Voto em Mário.

 

KAX SILVA: Mario conseguiu enganar muita gente com seu jeito de bom moço, sendo um poço de maldade por trás. Ele apresentou traços de psicopatia e alternava do bom ao ruim diversas vezes, sem parecer forçado. O personagem foi muito bem arquitetado pelo autor, não tem como eu dar meu voto em outro.

 

MIGUEL RODRIGUES: Mario - Perfil Fake.

JAIME LUCAS: Meu voto vai em Ado porque vejo ele como um antagonista diferente do convencional que estamos acostumados a ver nas tramas.

 
     
 
     
 


 

MARCOS: E o vencedor é... Mario, de Perfil Fake.

GABO:
Na próxima categoria vamos conhecer quem foi o melhor autor. É uma categoria muito importante. O autor planeja, cria, passa dias e dias escrevendo para o público poder apreciar grandes histórias. Everton Brito, autor de As Mulheres da Minha Vida e Rynaldo Nascimento de autor Perfil Fake. Jurados, podem votar...

 
     
Série/Minissérie: MELHOR AUTOR (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

DIOGO DE CASTRO: É bacana ver o quanto o Everton Brito tem crescido de uns tempos pra cá em relação ao modo de escrever e ele merece todo o mérito por isso. Mas, a experiência do Rynaldo fala mais alto por enquanto, Perfil Fake é um roteiro muito bem feito e que não cansa o leitor. Meu voto é do Rynaldo.

MARCELO DELPKIN: Pela genialidade de desenvolver uma grande história com um tema tão atual e difícil de desenvolver, voto em Rynaldo. Everton também foi feliz por criar uma comédia tão gostosa de se ler.
 
MIGUEL RODRIGUES: Rynaldo Nascimento (Perfil Fake).
 
JOÃO PAULO RITTER: Gosto do Brito, mas como AMMV foi a única produção dele que não li naquele ano, meu voto vai para Perfil Fake (Rynaldo).

KAX SILVA: Bom, acho que é meio óbvio meu voto nessa categoria: Rynaldo Nascimento
 
     
 
     
 


 

GABO: Com 5 votos, Rynaldo Nascimento foi o melhor autor de minissérie de 2018.

MARCOS: As novelas são ponto chave de qualquer emissora. Elas possuem um público grande e bastante fiel. Nossas concorrentes deste ano fizeram um sucesso enorme, com tramas envolventes e personagens marcantes. Elas são: Insensatez - Débora Costa, Juízo Final - Wesley Vitoritti e Talismã - Edy Dutra.

 
     
MELHOR NOVELA (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

 

MIGUEL RODRIGUES: Insensatez (Débora Costa).
 

MARCELO DELPKIN: Insensatez é a mostra de que novelas mexicanas com temperos brasileiros sempre funcionam — e muito bem pelas mãos de Débora Costa e Tai Andaluz. Juízo Final também deu muito o que falar com seu jogo de “gato e rata” de excelente elaboração de Weslley Vitoritti. Emoções não faltaram nas duas novelas. Talismã também teve uma trama e tanto. Por diferenças mínimas, voto em Juízo Final e na forma com que as situações foram amarradas do começo ao fim.
 

JOÃO PAULO RITTER: Juízo Final. Mais uma vez, a construção dos personagens me conquistaram nessa trama. A trama do Wesley me prendeu como poucas no MV, a construção da vilã e do mocinho me cativaram.

JAIME LUCAS:
 Minha escolha é Juízo Final porque eu gosto da forma como a trama é entrelaçada e desenvolvida de uma forma singular.

HUGO MARTINS: Talismã.
 Creio que Edy fez um trabalho memorável com essa novela.

 
     
 
     
 


 

MARCOS: E a novela do ano é... Juízo Final, de Wesley Vitoritti.

GABO:
As principais ações de uma história envolvem as protagonistas de uma trama. Em 2018, três mulheres foram os destaques do ano e agora elas se enfrentam em busca do Troféu Imprensa Virtual. Vamos conhecê-las: Isadora de Dias Melhores, Lívia de Talismã e Malu de Antes que o Dia Amanheça. Jurados, conta pra gente, quem foi a melhor protagonista de 2018?

 
     
Novela: MELHOR PROTAGONISTA FEMININO (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

DIOGO DE CASTRO: Lívia e Isadora são protagonistas no estilo mais tradicional que tem um passado sofrido e lutam pela felicidade até o último capítulo. Malu já faz o estilo mais rebelde, tem problemas com a mãe e finge que isso não a afeta. Acredito que ambas cumprem bem seu papel, meu voto aqui vai na Lívia de Talismã pela forma como a personagem foi concebida.

HUGO MARTINS: Isadora. Ela é muito carismática.

MARCELO DELPKIN: Meu voto vai pra Lívia, a mocinha cujo colar causou a maior corrida do ouro — ou das joias — de 2018. A exemplo de outros protagonistas de Édy Dutra, uma mulher de mil e uma camadas a serem exploradas. Isadora e Malu também tiveram bastante profundidade, mas Lívia se destacou.

JOÃO PAULO RITTER: Lívia (Talismã).

KAX SILVA:
Gente, novela não é muito comigo. Quem me conhece sabe que não sou muito chegado ao gênero, mas vou tentar responder com bases no pouco que eu acompanhei da maioria. Lívia foi uma protagonista forte, mesmo diante de tudo o que passou na prostituição. Ao meu ver ela se destacou. 

 
     
 
     
 


 

GABO: Com 4 votos a Lívia de Talismã conquistou o prêmio de melhor protagonista feminino. E o masculino, quem será que levou, Marcos?

MARCOS:
O protagonista masculino de uma novela necessita conquistar o coração do seu público. Precisa partir do ponto A, enfrentar percalços pelo caminho e chegar ao ponto B uma outra pessoa. Nossos fortes concorrentes fizeram jus ao nome "protagonista". São eles: Gabriel - Antes que o Dia Amanheça, Ivan - O Leão e Jonas - Talismã.

 
     
Novela: MELHOR PROTAGONISTA MASCULINO (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

JOÃO PAULO RITTER: Ivan (O Leão).

KAX SILVA: O aventureiro do Gabriel tem mais dotes de protagonista que os demais, na minha opinião, um poço de humildade, apesar do Ivan não ficar muito atrás. Se abdicar dos bens da família e fazer aquilo que gosta não é pra qualquer um, admiro a coragem.
 

HUGO MARTINS: Ivan tem uma jornada incrível.


JAIME LUCAS: Ivan
 me parece um protagonista muito bem estruturado e desenvolvido, com os dramas ao longo da vida do protagonista que mostram uma evolução do mesmo.

 

DIOGO DE CASTRO: Gabriel e Jonas são bem parecidos e acho que dentro de suas histórias acabam ficando em segundo plano, mesmo sendo protagonistas. O que não acontece com Ivan que é o verdadeiro Leão do enredo. Voto em Ivan de O Leão.

 
     
 
     
 


 

MARCOS: E o grande vencedor deste ano é... Ivan, de O Leão.

GABO:
O antagonista é um personagem incrível. O público sente raiva, vibra, e no fim, alguns se dão mal e outros bem, como diria o Quico, que coisa não? Em 2018 a Leia, Marilu e Solange foram as três mais votadas pelo público. Elas representam as novelas: Antes que o Dia Amanheça, Talismã e O Leão. Jurados, podem votar.

 
     
Novela: MELHOR ANTAGONISTA (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

MELQUI RODRIGUES: Com toda a certeza do mundo e sem hesitar, meu voto vai para a Solange.
 
JOÃO PAULO RITTER: Leia (Antes que o Dia Amanheça).

DIOGO DE CASTRO:
Louca por louca voto na gananciosa Marilu de Talismã, nada contra  as demais.
 
KAX SILVA: Solange, essa sim é uma vilã. Consegue matar uma pessoa indiretamente, sem sujar as mãos, como foi o que aconteceu com Mário. Rouba sem medo. Mesmo tendo alguns traços de vilã de novela mexicana (não que isso seja ruim, pelo contrário), conseguiu roubar a cena sem parecer forçada e super escandalosa.
 
JAIME LUCAS: Solange é uma antagonista fria e calculista. Uma grande vilã que as tramas pedem.
 
     
 
     
 


 

GABO: Nesta categoria todo mundo ganhou voto, mas levou o Troféu Imprensa Virtuuual foi para a Solange que ganhou 3 votooos. Ela é a antagonista da novela O Leão de Marcelo Delpkin. Marcos, fiquei sabendo que temos uma atração musical nacional.

MARCOS:
É isso aí Gabooo. Ele vem conquistando corações com sua música e se destacando cada vez
mais no cenário nacional...com vocês... Vitor Kley.

E esta música, ein Gabo? É showww!

GABO: Tem uma vibe surreal.

MARCOS: "Adrenalizou o meu coração
Menina bonita
Quando eu toquei na tua mão
Adrenalizou o meu coração
Menina bonita
Quando eu toquei na tua mão"

 
     
VITOR KLEY - ADRENALIZOU
     
 

#FiqueEmCasa
 

 
     
Novela: MELHOR COAJUVANTE FEMININO (Roteiro)
     
  MARCOS: O papel de coadjuvante é fundamental em uma novela. Além de ter sua própria trama, embora com menor ênfase, esta personagem precisa ser forte o bastante e o seu papel ir de encontro aos objetivo vós do protagonista, de certa forma. Como coadjuvante feminina, nossas concorrentes travam uma batalha à parte. São elas: Elizabeth - Talismã, Marta - Insensatez e Teca - Dias Melhores.


 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

JAIME LUCAS: Teca traz um ar de empoderamento feminino na trama com sua superação de vida, e algo que adorei foi o trabalho dela como taxista, porque não se vê muitas mulheres com tal profissão. Além de ser uma personagem bem construída, traz representatividade.


DIOGO DE CASTRO:
 Tanto a Elizabeth quanto a Marta são mulheres classudas que tentam a todo custo preservar suas famílias, a Marta das loucuras das filhas e a Elizabeth do veneno da própria mãe, são boas coadjuvantes. Mas, pela originalidade, meu voto vai para Teca de Dias Melhores.

JOÃO PAULO RITTER: Marta (Insensatez). 
 
KAX SILVA: Elizabeth foi uma coadjuvante chique, elegante, em um casamento arranjado. Aquilo do sucesso na carreira, mas azar no amor. Passou a novela em busca de uma felicidade que não fosse de faixada. Gostei do núcleo dela.

 

MARCELO DELPKIN: Que enrascada! Elizabeth ou Marta? Duas mulheres fortes, cheias de sonhos e desejos reprimidos por conta de suas vidas, do casamento, do passado... Mas a ternura da Mamãe Gouveia se destacou mais, o sofrimento que ela passou por culpa do marido e da filha vilã; por isso meu voto é para ela.

 
     
 
     
 


 

MARCOS: E como grande coadjuvante feminina do ano temos um empate...

Marta, de Insensatez e Teca, de Dias Melhores.


GABO:
Primeiro empate da noite. Seguindo nos personagens coadjuvantes, chegou a hora do núcleo masculino. Caio (Antes que o Dia Amanheça), Conrado (Talismã) e Vlad (O Leão). Juradooos, quem foi o melhor?

 
     
Novela: MELHOR COAJUVANTE MASCULINO (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

CRISTINA RAVELA: Voto lindamente em Vlad, aquela coisa linda que se destacou em O Leão kkkkkkk.

DIOGO DE CASTRO: Nesta categoria voto no Conrado por vários momentos roubou a cena em Talismã. Nada contra o Caio e o Vlad.
 
JAIME LUCAS: Vlad é um personagem que traz uma representatividade também e que eu adorei bastante.


JOÃO PAULO RITTER: Vlad (O Leão).


HUGO MARTINS: Vlad. Esse cara foi bem desenvolvido.
 
     
 
     
 


 

GABO: Com 4 votos o Vlad da novela O Leão foi o melhor coadjuvante masculinooooo.

MARCOS:
Os autores de novelas merecem uma atenção especial. Trazem ao público histórias marcantes e cativantes. E olha, que manter uma novela no ar com vários capítulos não é tarefa fácil. Nossos concorrentes à esta categoria são: Édy Dutra - Talismã, Marcelo Delpkin -O Leão e Weslley Vitoritti - Juízo Final.

 
     
Novela: MELHOR AUTOR (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:
 

JAIME LUCAS: Weslley Vitoritti. Apesar de gostar dos textos de Édy e Delpkin, especialmente o de Vitoritti em Juízo Final me encantou. É uma trama bem construída, entrelaçada, com os toques de drama perfeitos para a construção da obra.

JOÃO PAULO RITTER: Weslley Vitoritti (Juízo Final).
 
HUGO MARTINS: Creio que o Edy merece esse troféu.
 
MIGUEL: Weslley Vitoritti (Juízo Final).

CRISTINA RAVELA: Tem autores que, basta falar o nome para a gente lembrar de sucessos, né? Eu tenho que destacar aqui esse autor que, apesar de não mantermos contato frequente, seu nome quando surge na roda é sempre sinal de que algo bom virá. E, por isso e por esse novelão, meu voto vai para ÉDY DUTRA!
 
     
 
     
 


 

MARCOS: E o grande vencedor é... Wesley Vitoritti, com sua novela Juízo Final.

GABO:
A abertura tem como finalidade apresentar o conceito da história. A seleção de imagens, a trilha sonora e os créditos contam na hora da avaliação. Em 2018 Antes que o Dia Amanheça, Reis de Arena e Talismã foram as três aberturas mais votadas. Bora conferir:

 
     
MELHOR ABERTURA (Roteiro)
     
ANTES QUE O DIA AMANHEÇA
     
 

 

 
     
REIS DE ARENA
     
 

 

 
     
TALISMÃ
     
 

 

 
     
 
     
   
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

 

EVERTON BRITO: Reis de Arena. Eu gostei da abertura com o clima de cowboy, achei tudo muito bem produzido, a música casa com a proposta contida na abertura. Um mix de imagens que deram muito certo. 
 

 

MELQUI RODRIGUES: Todas as aberturas são belíssimas, mas a que mais me chamou a atenção e mais eu vi o empenho na produção foi a de “Reis de Arena”, então meu voto vai pra ela.

 

DOMINGOS SANTIAGO: A abertura de Reis da Arena é uma perfeita harmonia entre o roteiro, a trilha sonora escolhida e as imagens selecionadas para compor o vídeo.
 

 

DIOGO DE CASTRO: A abertura de Antes que Amanheça apresenta disparidade em relação a qualidade das imagens que compõem e não seguem o mesmo padrão, a disposição dos créditos poderiam ser mais discreta. A abertura de Reis da Arena tá bem dentro da proposta, você entende de imediato em que universo se passa a história e tem um tempo adequado, diferente da candidata anterior. Tem uma falha evidente no corte da música, ficou perceptível. Talismã apresenta o mesmo problema de Antes que amanheça, abertura muito extensa, os créditos poderiam ser mais discretos e apesar de eu amar o tema cantado pela Ana Carolina, meu voto vai para Reis da Arena.
 


DÉBORA COSTA: Talismã. Eu achei top! 

 
     
 
     
 


 

GABO: Reis de Arena conquista o prêmio de melhor abertura de 2018. Na próxima categoria vamos conhecer os três banners mais votados. A fonte, a imagem de fundo, o trabalho na imagem, todo processo de criação instiga o autor no cartão postal de apresentação da história. Os três mais votados em ordem alfabética foram: As Mulheres da Minha Vida, Dias Melhores e Talismã.  

 
     
MELHOR BANNER (Roteiro)
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

DÉBORA COSTA: As Mulheres da Minha Vida. Toda vez que via esse banner nos grupos, me chamava muito a atenção. 

MELQUI RODRIGUES: Sem dúvidas o banner de “Dias Melhores” ficou bem mais chamativo, meu voto é pra ele.

MIGUEL RODRIGUES: Talismã.

DIOGO DE CASTRO: Aqui vou levar em consideração o grau de complexidade na elaboração do banner. Dias Melhores é muito simplório. As mulheres da Minha Vida tem cor e fonte legais, mas acredito que a proporção das atrizes poderia ser melhor, dá impressão de que as cabeças estão muito grandes para os corpos. Neste sentido, acredito que o banner de Talismã está mais uniforme, tem uma distribuição de cores bacana e uma fonte bem foda. Meu voto é de Talismã.

H
UGO MARTINS: Dias Melhores. Esse banner é lindo.

 
     
 
     
 


 

GABO: Dias Melhores e Talismã foram os melhores banners de 2018.

MARCOS:
Um bom roteiro precisa conter os elementos necessários, com certeza. Mas além disso, ele precisa ser fiel à história, que é o seu elemento chave. Um bom roteiro precisa não estar cheio de palavras difíceis e firulas. Ele precisa ir direto ao ponto de forma sucinta e leal. Nossos concorrentes à melhor roteiro deste ano são:

As Mulheres da Minha Vida - Everton Brito - WebTV

Juízo Final - Weslley Vitoritti - Megapro

Talismã - Édy Dutra – WebTV

 
     
MELHOR ROTEIRO
     
 

 
     
 
     
 

| VOTO DOS JURADOS:

KAX SILVA: Em melhor roteiro eu vou seguir o critério de evolução. Everton Brito conseguiu surpreender positivamente muita gente com um roteiro afiado, claro que com mínimas falhas, mas que não comprometeu o resultado final da obra. Dentre essas candidatas, meu voto é em “As Mulheres da Minha Vida”. 

MARCELO DELPKIN: 
Voto na estrutura clara e concisa com que Édy Dutra escreveu Talismã. Os outros dois indicados também apresentaram roteiros muito bem feitos.

DIOGO DE CASTRO: Três roteiros bastante interessantes, os autores estão de parabéns pelo trabalho. Pela agilidade e qualidade dos termos técnicos, meu voto vai em Juízo Final de Weslley Vitoritti pela MegaPro.

HUGO MARTINS: Li pouco os três. Mas recordo que Juízo Final tinha um excelente roteiro. Sem desmerecer as demais.
 

MELQUI RODRIGUES: Sem muitas delongas, apesar de gostar também de Talismã, mas meu voto vai para As Mulheres da minha Vida.
 
     
 
     
 


 

MARCOS: E aqui temos mais um empate. Um empate entre...

As Mulheres da Minha Vida, de Everton Brito e Juízo Final, de Weslley Vitoritti.


GABO:
Marcos, a missão do primeiro bloco fooooooooi concluída com sucesso. E a galera tá animada com os prêmios? Ainda tem entretenimento, jornalismoooo.

MARCOS:
Sucesso garantido! Tivemos premiações para o literário, para revelação...com certeza a galera tá animada com os prêmios. Na verdade só de estar concorrendo, fazendo parte deste grande evento, já é de encher nossos olhos. Agora Gabo, temos mais uma atração incrível chegando, não é mesmo? Chama daí, meu amigo...


GABO:
Isso aee Marcos, agora é hora de aumentar o som e curtir Claudinhaaaa Leitte. O Troféu Imprensa Virtual 2020 volta em uma hora com muitoooo mais.

 
     
CLÁUDIA LEITTE - PERIGOSINHA
     
     
 
     
 










 
.aaa.
.aaa.
 
Compartilhe:

Episódios do Troféu Imprensa

No Ar Livre

Troféu Imprensa Virtual 2019

Comentários:

0 comentários: