Misturama - 5x05


https://1.bp.blogspot.com/-GbWzqloI7Jo/WOPMYOIVVwI/AAAAAAAAAT0/A4F7B7_Qq1IXIHaq5TZm_FyG3Q-JyudMwCLcB/s1600/misturama.jpg
 

MISTURAMA - 5x05
 
 
 

GABO: Boa noite, mundo virtual. No Misturama de hoje, uma visita na cidade cenográfica de Garotas do Rio, a nova minissérie da WebTV. E ainda: o autor Clayton Correia fala sobre cancelamento, barraco e crítica, no quadro Curte ou Deleta. Ta imperdível. Agora, continue na poltrona, desça a rolagem e embarque nessa viagem virtual lá na cidade cenográfica de Garotas do Rio.

 
     

 

     
https://1.bp.blogspot.com/-Oi5Ak6lVjFo/WZgBnimYQEI/AAAAAAAABRQ/2CO6RLdYEzo1t1Ika2Dja8xHydCEqJDwACLcBGAs/s1600/Garotas%2Bdo%2BRio%2B-%2B8%2Bde%2Bsetembro.jpg

GABO VISITA A CIDADE CENOGRÁFICA DA NOVA MINISSÉRIE DA WEBTV: GAROTAS DO RIO

     

GABO: Estamos aqui na cidade cenográfica da nova minissérie da WebTV: Garotas do Rio. Olá, Alcântara, como está o coração em meio a mais uma estreia?

WESLEY ALCÂNTARA: Tá bem mais tranquilo. Tem a ansiedade natural, mas tô bem relaxado.

GABO: Garotas do Rio conta a história sobre Antônia, Fábia e Marcela. 3 mulheres cariocas que já passaram dos 30 anos e que se encontram e se tornam melhores amigas. Alcântara, como surgiu a história da minissérie?

WESLEY ALCÂNTARA: Desde o fim de Poderosa, eu tava a fim de escrever uma minissérie, eu sou fã de Sexy and the City, e quis criar algo parecido, dramas de mulheres e trouxe o meu estado como locação.

GABO: Com a inspiração na série americana, o que o público pode esperar de Garotas do Rio?

WESLEY ALCÂNTARA: Parecido com a série americana, podem esperar apenas drama e amizade no protagonismo de mulheres.

De resto, a invenção é minha mesmo. Teremos muita música, muito sol, tomadas lindas do Rio. Bebida, confusão, triângulos amorosos e alguns segredos.

GABO: Alcântara, você teve alguma dificuldade no processo de criação da obra?

WESLEY: Sabe que não tive dificuldades. É uma das primeiras obras que eu fiz sem intenção, sabe? Só escrevi pelo prazer. Tudo no meu tempo, conforme eu queria.

GABO: Como foi o processo de escala do elenco?

WESLEY: Escalar elenco é sempre difícil pra mim, já declarei publicamente que não me agrada. Não gosto. Mas em Garotas do Rio foi diferente. Eu gostei. Tanto que a Fábia surgiu exatamente após eu decidir que queria Maria Eduarda de Carvalho na minha obra. Além disso, tem aí uma cantora estreando como atriz: a Luka “Tô nem aí, tô nem aí...” Vai ser um prazer lançar gente nova na web dramaturgia.

GABO: Sobre a trilha sonora, como foi o processo de seleção? Qual será o tema de abertura?

WESLEY: Trilha sonora é a minha maior dificuldade, não vou mentir. Eu gosto de música, mas não sei qual encaixar, qual casa com determinada personagem. Eu sempre coloco o meu gosto pessoal. O tema de abertura é alegre, convidativo. “FESTA DAS PATROAS”. Fala desse empoderamento feminino, do poder e da voz que as mulheres tem na sociedade. E casa com a proposta da minissérie.

GABO:
O público a partir de agora ficará por dentro da história com a apresentação da sinopse. Vamos acompanhar:
 

“Mais tequila. Mais amor. Mais tudo. Mais é melhor!”

A história fala sobre três mulheres cariocas que já passaram dos trintas anos e que se encontram e se tornam melhores amigas.

Antônia Assumpção (Simone Spoladore) é uma atriz de filmes e novelas que está em um casamento deteriorado com o empresário Affonso de Queirós (Eriberto Leão) e com sua carreira em ascensão. Ela divide o tempo entre os estúdios de filmagem e a cuidar de seu apartamento.

Fábia Bueno (Maria Eduarda de Carvalho) é uma mulher autêntica e totalmente liberada sexualmente, não se prendendo a relacionamentos e sim, a relações. Ela trabalha no jornal Gazeta Carioca, de propriedade da amargurada Anunciação Bragança (Adriana Garambone), uma mulher mal humorada e rude, que usa sua influência e dinheiro para fazer o que bem quer, inclusive obrigando Fábia a escrever reportagens tendenciosas.

A última do grupo é Marcela Simpson (Sheron Menezes), que namora a dois anos Patrick (Thiago Martins), jogador de futebol do time titular do Flamengo. Apesar da insistência do namorado, Marcela não pensa em se casar e prefere continuar com cada um em sua casa. Ela é professora de literatura na UERJ e vive com seu cachorrinho de estimação, o Brian.

O encontro das três dá-se num evento sobre cinema, no Copacabana Pallace. Antônia reconhece que Fábia foi a jornalista que fez duras críticas ao seu desempenho no filme e resolve tirar satisfações com ela. As duas começam a brigar e são amparadas por Marcela, que decide criar uma trégua entre as duas.

Sendo assim, elas se dirigem para o CopaBar, o mais badalado bar da Zona Sul, point certo para quem quer se divertir. O local é comandado por Tony (Matheus Natchergaelle), que coincidentemente é o melhor amigo gay das três. E ali, na mesa do bar, elas erguem suas taças e fazem um brinde a nova amizade que acaba de surgir.
 

GABO: Antônia, Fábia e Marcela, com qual das três amigas você se identifica?

WESLEY: Pergunta bem difícil. Acho que tenho um pouco das características de cada uma. São amigas leais, engajadas no que fazem e que não medem esforços para realizarem seus objetivos.

GABO: Chegou a hora de conhecermos mais sobre a história. Iremos para qual cenário da minissérie?

WESLEY: Podemos começar pelo CopaBar? Bateu uma sede, vamos tomar um gin tônica lá.

GABO: Fechou, também estou com sede.
 

GABO: Alcântara, que local sensacional! É aqui um dos locais que as amigas vão ter o primeiro encontro, após o evento no Copacabana Pallace.

WESLEY: Exatamente. Muito da obra se passa aqui, nesse bar tão aconchegante e badalado.

=====

CENA. COPABAR. INT. NOITE.

MÚSICA AMBIENTE: HEADLINES – SPICE GIRLS

Ambiente descolado, várias pessoas conversando, rindo, se divertindo. Vozerio.

Tony está ali pelo salão, conversando com as pessoas. De repente, todos param suas atividades e olham surpresos para a entrada.

EM SLOW: Marcela, Antônia e Fábia, adentram o bar, risonhas, caminhar gracioso e leve, cabelos ao vento. Se olham e olham o ambiente.

=====

GABO: O CopaBar é comandado pelo Tony, que é amigo da Fábia, Marcela e Antônia.
 

TONY (MATHEUS NACHTERGAELE) – Dono do bar mais badalado da Zona sul do Rio, o CopaBar, localizado em Copacabana. É o melhor amigo das três mulheres e casado com o arquiteto Felipe. Ao contratar o jovem Diego, se verá dividido entre o amor e o desejo.

WESLEY: O CopaBar é um ambiente mais requintado, é uma espécie de pub, mas com toque carioca. Tem shows, tem área goumet, salão para eventos. É o Biscoito Fino quando se fala em barzinhos goumet e pub's. É ponto de encontro de todas as tribos que o Rio abraça.

=====

CENA. COPABAR. INT. NOITE.

Marcela, Antônia e Fábia estão sentadas com um copo de tequila nas mãos.

FÁBIA (erguendo o copo) – Um brinde!

MARCELA – A quê?

ANTÔNIA – Um brinde a amizade que acaba de nascer. Um brinde a nós, mulheres, que somos independentes e autênticas.

Todas erguem os copos e brindam, felizes.

Imagens das três rindo e bebendo, dançando na pista de dança....

=====

GABO: Depois de matarmos a sede e conhecermos o local onde as amigas selaram a amizade, vamos para a Gazeta Carioca?

WESLEY: Bora lá. Vamos conhecer um pouquinho da redação de jornal de grande circulação.

GABO: Aqui trabalha a Fábia Bueno, personagem que fez críticas afiadas contra a atriz Antônia Assumpção. Alcântara, o que pode acontecer quando elas ficam frente a frente?
 

FÁBIA BUENO (MARIA EDUARDA DE CARVALHO) - Jornalista por formação, trabalha na parte de críticas do jornal Gazeta Carioca. Tem uma visão muito ampla sobre tudo, o que lhe confere uma vasta inteligência. É bem humorada, divertida e que foge aos padrões sexuais impostos pela sociedade.

Nunca pensou em se casar ou namorar, mas mantém uma relação com a garçonete Lu. Mas há duas coisas que lhe tiram o sorriso: as imposições e reportagens tendenciosas que sua chefe lhe obriga a fazer e a aparição misteriosa de sua mãe, Laura. A aproximação e a relação com as novas amigas, será essencial para que possa seguir a vida.

WESLEY: Digamos que Antônia seja uma fogueira bem acesa e Fábia esteja tentando apagar esse fogo com gasolina. Vai dar treta com certeza. "Aprenda a engolir o sucesso!" (ASSUMPÇÃO, Antônia - 2017)

GABO: Neste cenário, a Fábia terá que encarar as reportagens impostas por Anunciação, sua chefe. Como será esse núcleo?

WESLEY: Fábia viverá em extrema pressão nesse início, porque além dos mandos e desmandos da chefa, terá que lidar com um empecilho chamado Mimi, que venera Anunciação e faz de tudo para atazanar a vida da nossa protagonista.
 

ANUNCIAÇÃO BRAGANÇA (ADRIANA GARAMBONE): Rica, altiva e prepotente. Dona do jornal Gazeta Carioca e patroa de Fábia. Usa o dinheiro para mandar e pisar nas pessoas. Vive em constante mal humor e desconta em quem vê pela frente. Esconde um segredo do passado.
 

MIMI (MEL LISBOA): Secretária pessoal de Anunciação e sua confidente. Venera a chefe e faz de tudo para pentelhar Fábia.

WESLEY: Agora iremos para a luxuosa cobertura da família Assumpção.
 

GABO: Chegou a hora de conhecermos a Antônia, a atriz de filmes e novelas.
 

ANTÔNIA ASSUMPÇÃO DE QUEIRÓS (SIMONE SPOLADORE) – Atriz de filmes e novelas que está com a carreira em ascensão.  É casada há 10 anos com o empresário Affonso de Queirós, com quem não mantém mais uma boa relação. Descobre o amor nos braços do surfista Pietro, mas pouco sabe sobre sua vida. Ao criar uma amizade com Fábia e Marcela, começa a repensar se vale a pena viver infeliz num casamento por mero status.

GABO: Alcântara, o que podemos esperar desse ambiente, bonito, amplo e requintado por muita beleza?

WESLEY: Aqui, no metro mais caro do Brasil, a gente vai encontrar um casal em crise. Uma atriz e um empresário cômodos num relacionamento pobre de sentimentos.
 

AFFONSO DE QUEIRÓS (ERIBERTO LEÃO) – Empresário emergente e casado com Antônia. Nunca aprovou a profissão da esposa e não vê com bons olhos a amizade dela com Fábia e Marcela. É apaixonado pela esposa, mas não consegue demonstrar muito bem.

GABO: Alcântara, o Affonso, além de não aprovar a profissão da esposa, a amizade entre Fábia e Marcela não será vista com bons olhos por ele. Esse enredo promete trazer grandes surpresas para a história.

WESLEY: A implicância de Affonso com a amizade vai vir mais pra frente, depois de um acontecimento importante, que ele acha ser influência feminina. Pois, nossa atriz tem um caso extraconjugal com Pietro, um carioca mais novo. A crise nesse casamento vem de tempos atrás. Affonso acha que ser atriz é um passatempo, um hobby da esposa. E ela detesta essa visão arcaica dele.

GABO: O Pietro é outro personagem que promete deixar o núcleo da Antônia mais picante.
 

PIETRO/PEDRO (ROMULO ESTRELA) – De dia é um jovem surfista, que conheceu Antônia na praia e se encantou por ela. Os dois mantém uma relação. Com medo dela se afastar, ele omitiu a informação de que a noite é garoto de programa e utiliza o nome Pedro.

WESLEY: Vamos cair lá em Botafogo?

GABO: Bora. O que esse cenário reserva pro público?
 

WESLEY: Pietro se envolveu com Antônia. O sexo é casual só pra ela. Ele tem sentimentos por ela. É nesse apê aí que veremos e teremos cenas picantes.

GABO: E paralelo a essa vida sexual, o Pietro esconde da Antônia a vida dupla que ele possui. O que poderá resultar em grandes confusões.

WESLEY: É uma parte da vida dele que ela não sabe. Ele é discreto, mas não há mistério que perdure uma vida toda. Acho que Antônia vai ficar bem chateada com essa profissão dele. Não pela profissão, mas pela omissão.

GABO: Depois de descobrirmos um pouco sobre a vida sexual de alguns personagens, vamos para outro ambiente que tem mais personagens para conhecermos. Qual será agora?

WESLEY: Vamos pro Vidigal, conhecer a ONG Filhos da Arte. Um legal maravilhoso.
 

GABO: A Antônia e a Donna, administram a ONG Filhos da Arte. A Antônia da aulas de teatro.

WESLEY: Filhos da Arte traz música, dança, interpretação e literatura para as crianças e jovens do Vidigal.
 

DONNA (LUKA) - Cantora que é voluntária na ONG Filhos da Arte junto com Antônia.

GABO: Como foi a decisão sobre a escala da cantora Luka na minissérie?

WESLEY: A escolha da Luka foi intencional. A primeira atriz pensada para o papel foi a Marjorie Estiano, com quem trabalhei em três ocasiões anteriores. Mas como a Marjorie estará na novela do meu xará, Vitoritti, eu preferi trocar. Resolvi colocar um rosto novo, que fosse da música e assim surgiu a ideia de ser a Luka. Não pensei em outra pessoa, tinha que ser ela e foi! Vai ser prazeroso demais poder lançá-la. Donna vem aí!

GABO: A Antônia faz parte da ONG. Ela vai atrair as amigas para fazerem parte?

WESLEY: Sim. Marcela vai trabalhar literatura lá.

GABO: Quando o autor trabalha o tema ação social na dramaturgia, qual meio você acredita ser essencial para prender a atenção e mostrar o resultado positivo da ação?

WESLEY: Sensibilidade e autonomia sobre o tema. Não pode ser algo massante, tipo uma aula de Boa conduta. É preciso criar histórias, entrechos que possam inserir uma ação social. No caso da ONG, ela está ali pra mostrar que a arte, cultura e literatura devem ser disseminadas em todas as camadas sociais. Não tenho pretensão de levantar bandeira, quero só mostrar uma realidade que existe no Vidigal.

GABO: Chegou o momento de falarmos sobre a terceira amiga, a Marcela.

WESLEY: Vamos para o Leme.

GABO: Simbora.
 

MARCELA ALVES SIMPSON (SHERON MENEZES) – Professora de Literatura na UERJ. É bonita e tipicamente brasileira, apesar de ser filha de americano. Ama sua profissão e seu cachorrinho, Brian. Namora o jogador de futebol Patrick, mas não pensa em se casar. Mas fica mordida de ciúmes por ele dividir apartamento com uma amiga de infância.

WESLEY: Depois de pegar o ônibus "Leme-Jacaré" e descer próximo a pedra do bairro, adentremos ao apê super aconchegante da Marcela.

GABO: Aqui, nesse ambiente ela vive com seu cachorro, namora com Patrick, jogador de futebol. O que esse núcleo aprontará em Garotas do Rio, Alcântara?

WESLEY: Marcela é o homem da relação. Gosta do Patrick, mas não é melosa. Ele quer casamento, mas ela foge.

Pra piorar tudo, tem Das Dores que é uma incógnita: amiga ou destruidora de namoros?
 

PATRICK (THIAGO MARTINS) – Jogador titular do Clube de Regatas do Flamengo. Seu sonho é se casar com Marcela, mas ela declina sempre. Divide o apartamento com a amiga de infância Das Dores, a quem trata como uma irmã.
 

MARIA DAS DORES GUIMARÃES (DAS DORES): (AGATHA MOREIRA)  – Vive de mesada dos pais e faz alguns bicos como modelo. É muito bonita e atraente. Divide apartamento com Patrick, de quem fora amiga na infância em São Paulo. Mas possui segundas intenções com ele e faz de tudo para provocar o ciúme em Marcela.

GABO: De um lado o tratamento como irmãos. Do outro, segundas intenções. Taca pimenta nesse fogo kkkkkkkkkk

WESLEY: Das Dores é sutil feito um elefante.

GABO: E coloca sutil kkkkkkkk

WESLEY: Marcela é o elo que une as então inimigas Fábia e Antônia. Ela ama literatura e odeia Das Dores, por causa de suas insinuações para Patrick, que não enxerga maldade, por tê-la como amiga, mostrando que é possível um homem ser amigo de uma mulher.

GABO: Outro personagem que tem um elo com uma das protagonistas é a Laura, mãe de Fábia.
 

LAURA BUENO (MALU GALLI) – Mãe de Fábia, com quem não possui uma boa relação. Volta do interior para arrancar dinheiro da filha. Além da pouca intimidade, as duas também partilham de um segredo do passado.
 

WESLEY: Laura é um enigma. Só sabemos que no passado teve uma relação conturbada com Fábia. Mas ela volta pra pedir ajuda e decide se instalar na cidade para resgatar a confiança da filha. O amor materno pode ter falado mais alto, ainda que tardiamente.

GABO: Esse segredo do passado que mãe e filha escondem podem mudar o rumo da história?

WESLEY: Muita coisa vai acontecer com essa aproximação da Laura. Ela traz na bagagem um passado muito misterioso que vai interferir na vida das três protagonistas.

GABO: Isso aí, sem spoiler kkkkkkk. A vida da Fábia ainda promete mais adrenalina. Ela mantém um relacionamento com Luciana.
 

LUCIANA MORENO (LU): (ALICE WEGMANN) – Estudante de direito e garçonete do CopaBar. É apaixonada por Fábia e seu sonho é namorá-la, mas por medo de perdê-la, aceita a pouca atenção que recebe.

WESLEY: Lu é garçonete no CopaBar. Mantém uma relação com Fábia. Ela se anula para ter essa mulher, mesmo que seja por poucos instantes

GABO: E com a chegada de Laura, essa relação é ameaçada?

WESLEY: Será? Só os episódios dirão.

GABO: É isso aí, pessoal. Sem spoiler 😂😂😂

GABO: Alcântara, chegou a hora do bate-bola sobre a minissérie, podemos seguir?

WESLEY: Claro!

BATE-BOLA:

ANTÔNIA:
Impulsiva
FÁBIA:
Atormentada
MARCELA:
Prática
ANUNCIAÇÃO:
Recalcada
PIETRO:
Apaixonado
DAS DORES:
Sensual
PATRICK:
Mulher da relação
LAURA:
Misteriosa
LUCIANA:
Reservada
AFFONSO:
Prepotente
TONY:
Alegria
GAROTAS DO RIO:
Música, sol, verão, mulheres....

GABO:
Alcântara, agradeço a visita de hoje. O público teve acesso aos personagens, podendo conhecer mais sobre a história.

WESLEY:
Eu agradeço a visita. Foi um prazer. Agora Vou voltar pro CopaBar e tomar tequila com as meninas, com licença!

GABO: A partir do dia 8 de setembro, fiquem ligados porque o verão vai chegar mais cedo na tela da WebTV. É a estreia de Garotas do Rio.

WESLEY: Eu e as Garotas do Rio aguardamos vocês.

GABO: Para encerrarmos nossa visita na cidade cenográfica, aumente o som e curta o tema de abertura de Garotas do Rio:

     

MARÍLIA MENDONÇA, MAIARA E MARAISA CANTAM O TEMA DE ABERTURA DE GAROTAS DO RIO. CONHEÇA A MÚSICA: FESTA DA PATROA

     
 

 

 

GAROTAS DO RIO, ESTREIA DO 8, AQUI NA WEBTV

     
https://1.bp.blogspot.com/-Oi5Ak6lVjFo/WZgBnimYQEI/AAAAAAAABRQ/2CO6RLdYEzo1t1Ika2Dja8xHydCEqJDwACLcBGAs/s1600/Garotas%2Bdo%2BRio%2B-%2B8%2Bde%2Bsetembro.jpg

 

     
   

CLAYTON CORREIA FALA SOBRE: CANCELAMENTO, BARRACO, CRÍTICA E MUITO MAIS!

     
 

GABO: Ele ficou conhecido no mundo virtual após a publicação da série The Last Of Us. Depois desse trabalho, Clayton Correia não parou e desenvolveu outros projetos. Hoje ele participa do Curte ou Deleta. Clayton, boa noite.

CLAYTON CORREIA: Noite ... Faz tempo que não dou minhas caras por aqui RS.

GABO: Hoje marcou presença kkkkkk. Clayton, o que você percebeu de mudança no mundo virtual desde a sua chegada?

CLAYTON CORREIA: Bom, quando cheguei um mundo novo se abriu pra mim. As pessoas eram receptivas e torciam pelo sucesso um do outro, conquistei grandes amizades graças ao MV. Hoje acho que rixas e o ego tem influenciado nas postagens. Esse foi um dos motivos pelo meu afastamento. Mas estou sempre de olho no que acontece. Acho que, falando em qualidade, a coisa está muito melhor, mais profissional.

GABO: Você acredita que as rixas, que também conhecemos como barracos virtuais são para chamar a atenção ou identificar algum ponto negativo que precisa melhorar?

CLAYTON CORREIA: Pra chamar a atenção... SEMPRE. Sou da paz. Acho que sempre dá pra se resolver tudo com diálogo. Acredito que alguns acontecimentos é culpa da falta de maturidade de algumas pessoas.

GABO:
Teve algum barraco que chamou a sua atenção e você pensou: esse barraco passou dos limites?

CLAYTON CORREIA: Olha, agora não me vem nenhum em mente. Mas já vi muita coisa desnecessárias no MV. Acusações de plágio, de inveja, de passar a perna no outro... Eu penso WTF?!

GABO: Saindo do barraco e partindo para a escrita, o motivo que fez a sua aproximação com o mundo virtual, tem algum autor virtual que você usa como inspiração ou referência?

CLAYTON CORREIA:
Bom, Douglas Souza é meu guru. Sempre que eu tenho alguma dúvida recorro a ele. Ele é maduro, super imparcial e quer mesmo ajudar. Mas inspiração... Não. Acho que inspiração vem de coisas do dia, assuntos que surgem ou gostos particulares.

GABO:
Em relação a leitura, você tem o hábito de acompanhar obras virtuais? Tem alguma preferida?

CLAYTON CORREIA: Sim, tenho. Hoje não mais por estar afastado. Mas companheiro obras como Time After Time, The Witcher, Friendzone enfim... Algumas.

GABO: Agora, nossa conversa toma outro rumo. Chegou a hora do Curte ou Deleta.

CLAYTON CORREIA: Opa, vamos lá!

GABO: O barraco virtual não tem dia, hora para acontecer. Quando menos esperamos, as notificações não param. É tiro para todo lado. Clayton, você curte ou deleta os barracos?

BARRACOS

CLAYTON CORREIA:: Deleto total.

GABO: Além do barraco, outro assunto que rende polêmica são as críticas virtuais. Você curte ou deleta as críticas?
 

CRÍTICAS


CLAYTON CORREIA:
Depende... Críticas construtivas e bem humoradas, eu curto 👍. Mas quando ela é tendenciosa e parcial, sobre querendo promover um grupo específico , eu deleto. Um bom exemplo é o que aconteceu com o Gustavo Negreiro, acho que era esse o sobrenome dele. Ele foi vítima de bulling, pelo texto, pelas ideias e pelo ego inflado, mas, ninguém foi capaz de apoiar ou dar um auxílio a ele. Foi triste o que aconteceu com ele.

GABO: A crítica no contexto geral, você curte ou deleta?

CLAYTON CORREIA: Curto ... Acho que a crítica no geral é valida. Com responsabilidade e imparcialidade.

GABO: O jornalismo tem um importante papel no mundo virtual. Qual a sua opinião em geral sobre o jornalismo?

CLAYTON CORREIA: Acho legal. O trabalho que o Blog da Zih faz é muito legal. Mas repito desde que seja imparcial.

GABO: Falando no Blog da Zih, desde 2009, é levado informação, crítica, dicas de roteiro, entre outros assuntos relacionados ao nosso querido mv. Você curte ou deleta o Blog da Zih?
 

BLOG DA ZIH


CLAYTON CORREIA: Curto. É a nossa grande janela para a informação no mv.

GABO: Ela escreve, apresenta, organiza eventos, já foi atriz no Família virtual e tem mais de dez anos de mv. Clayton, você curte ou deleta a Cristina Ravela?

 

CRISTINA RAVELA


CLAYTON CORREIA:
Curto, pelo papel que ela tem no MV. Sempre foi simpática comigo.

GABO: Você escreveu a série Robin, mas a obra acabou sendo cancelada. O que houve nos bastidores da série?

CLAYTON CORREIA:
Bom Robin foi um projeto de muito tempo. Eu comecei a criar o roteiro, as chamadas um ano antes. Usei termos técnicos tirados de outras obras como Foley Boy e Raíza. Termos que foram criticados em um rewiew no próprio Blog da Zih. Buscando críticas das séries que usei como espelho, descobri que o meu roteiro não tinha esses erros apontados. Então entendi que parecia uma tentativa denegrir a imagem do trabalho e decidi me afastar. Isso não aconteceu só comigo e sim com outros autores iniciantes ou que não faziam de uma "panelinha" de alguns autores. Reconheço outros erros como de pontuação e talz. Mas achei extremamente injusto alguns pontos.

GABO: A série foi cancelada após a crítica ou foi um dos motivos que pesou na decisão?

CLAYTON CORREIA: Foi um dos motivos. A série estava toda pronta os três episódios. Mas parece que não vale a pena escrever a não ser por nossa paixão. Parece que por mais que nos esforcemos nunca é o suficiente. As pessoas não quererem apoiar, não querem se igualar, apenas diminuir numa tentativa de se sentir melhor.

GABO: Sobre o cancelamento no mundo virtual, de obras, programas, cancelamento em geral, mediante m público que acompanha, você curte ou deleta?
 

CANCELAMENTO


CLAYTON CORREIA:
A depende do motivo RS... Mas sei lá... Dificil, mas acho que dependendo do motivo eu curto. Mesmo porque pra mim obras no MV nesse momento atual são descartáveis para as pessoas, pois elas não são feedback, não comentam, então é com se não acompanhassem.

GABO: Rynaldo Nascimento é um autor experiente, veterano no ramo da escrita, já publicou diversos textos, ajuda autores iniciantes. Clayton, você curte ou deleta o Rynaldo?
 

RYNALDO NASCIMENTO


CLAYTON CORREIA:
Curto... Um grande parceiro. O Rynaldo é muito bom tbm... Filhos da Bahia foi muito legal. Acho que ele escreveu uma chamada Filhos do Éden ... Eu acho. Que eu acompanhei , tbm foi muito bom. Acho ele super competente...

GABO: Clayton, você curte histórias de suspense e terror?

CLAYTON CORREIA: Curto muito sim. Estou escrevendo uma minissérie de terror nesse momento.


GABO: Um autor que curte o gênero suspense e terror é o Jota Pê. Diversas histórias voltadas ao tema foram publicadas. Clayton, você curte ou deleta o Jota Pê?
 

JOTA PÊ


CLAYTON CORREIA:
Curto... Infamous é incrível. Eu não conheço o Jota Pê, mas sei que ele é muito competente no que faz.

GABO: Lucas Posey já publicou texto, e atualmente dirige a UP, emissora que está crescendo cada vez mais. Você curte ou deleta o Lucas?
 

LUCAS POSEY


CLAYTON CORREIA:
Curto sim. Íamos trabalhar juntos num projeto que eu desenvolvi... Estamos conversando inclusive... Mas o texto não ficou como eu queria e estou mexendo ainda sem data pra estreia. Ou se vai estrelar. Estou bem relutante em relação a isso... Mas o Lucas é um querido.

GABO: Outro autor que tem desempenhado um bom trabalho é o Rafael Oliveira. Clayton, você curte ou deleta o Rafael?
 

RAFAEL OLIVEIRA


CLAYTON CORREIA:
Cara sinceramente não sei quem é rsrsrs não me lembro... Mas eu curto sim. 👍

GABO: Ele escreveu Dead Land, Seas e o filme virtual A Visitante. O filme foi em parceria com Cristina Ravela.

CLAYTON CORREIA: Então não conheço... Não acompanhei Seas, mas sei que foi elogiada. A Visitante com a Zih ... Incrível... Super curto.

GABO: Alguns já deixaram o mundo virtual, o motivo foram inúmeros. Às vezes a vida pessoal, ou o próprio desencanto pelo meio. Você curte ou deleta o adeus ao mundo virtual?
 

O ADEUS AO MUNDO VIRTUAL


CLAYTON CORREIA:
Deleto... Se for algo necessário... Afinal eu abandonei também RS.

GABO: Clayton, quero agradecer sua participação aqui no Curte ou Deleta.

CLAYTON CORREIA: Valeu... Obrigado por lembrar de mim... Fiquei feliz em participar !!!

GABO: Obrigado pela participação. Sucesso nos futuros projetos, Clayton.

CLAYTON CORREIA: Valeu. Boa noite!

 
     

RECADO IMPORTANTE:

     
 

GABO: Um recado importante: A WebTV terá um pequeno hiatus, por esse motivo a atualização dos dias 25, 26 e 27 de agosto foi antecipada para esse final de semana. Sendo assim, nossa atualização retorna no dia 8 de setembro. O programa de hoje fica por aqui. Obrigado pela companhia e até a próxima edição do Misturama. Boa noite.

 
     
     

apresentação
Gabo

convidados
Clayton Correia
Wesley Alcântara

entretenimento
contatoredewtv@gmail.com


REALIZAÇÃO


Copyright
© 2017 - WebTV
www.redewtv.com
Todos os direitos reservados
Proibida a cópia ou a reprodução
.aaa.
.aaa.

Compartilhar:

 
Copyright © WebTV | Design by OddThemes