Misturama - 7x05 - WebTV - Compartilhar leitura está em nosso DNA

O que Procura?

HOT 3!

Misturama - 7x05

Apresentação: Gabo Olsen
Compartilhe:
Troque a Fonte Aqui

https://4.bp.blogspot.com/-vBpUGE6hbgg/Wtn4kt-fgPI/AAAAAAAACWk/ALLDXQSBHMoRHgYoaO0EnM9QDV-F5IEuwCLcBGAs/s1600/Misturama%2B2018.jpg
 

MISTURAMA, 19 de janeiro de 2020
 
 

NO PROGRAMA DE HOJE:

     
 


 
WESLLEY: Eu já, meus amigos ficam até com medo quando saem comigo porque sabem que eu vou fazer alguma coisa.

...

Tudooo, até desafiaram eu levar um tapa e eu levei

...

GABO: 
Eu nunca quis sair do MV.

WESLLEY: Eu já hahaha

...

WESLLEY: Eu já e pra ser bem sincero, eu prefiro quando tem muitas hahahah

...
 

WESLLEY: Eu recebo nudes, bastanteee, não sei o que acontece

...

GABO: Hihihihihi agora eu quero ver:

Eu nunca chamei a paquera por outro nome...
E aí, Fuchs, connntaaaa aí...

 
     

E AINDA:

     
  O meu pet se chama: Leon, eu ganhei ele da minha mãe. Antes dele eu tinha o Pretucho, ele nasceu em casa, era filho de uma cachorra que a gente tinha, e ele foi o único filhote dela que a gente ficou. O Tucho (apelido do Pretucho), era um companheirão mesmo, viveu 19 anos...

...

O Leon é uma alegria em casa, ele brinca, rouba as coisas e sai correndo, faz troca também, ele pega alguma coisa pra você dar uma coisa pra ele comer...
 
 

 

     
 

 

My dream is to fly (Meu sonho é voar)
Over the rainbow, so high! (sobre o arco-íris, tão alto)
My dream is to fly (Meu sonho é voar)
Over the rainbow, so high! (sobre o arco-íris, tão alto)
My dream is to fly (Meu sonho é voar)
Over the rainbow, so high! (sobre o arco-íris, tão alto)
Eh...

música: Rise Up | intérprete: Yves Larock
 

GABO: Fala, galera... Misturama na área. Feliz Ano Novo. 2020 chegou e vem aí um ano de oportunidades. Vamos fazer o nosso melhor, assim como diz a música "Rise Up", porque para sonhar precisamos voar, e voando atingimos várias conquistas.

No programa de hoje eu vou receber o autor Weslley Fuchs no "Eu Nunca" é daqui a pouco. Agora vamos falar dos pets, um grande amigo do homem. O novo quadro do Misturama vai revelar quais são os pets dos artistas do Mundo Virtual. No primeiro episódio vamos conhecer o Pretucho e o Leon. Começa agora "Meu Amigo Pet".

 
     

MEU AMIGO PET: CONHEÇA O PRETUCHO E O LEON OS AMIGOS PETS DE DÉBORA COSTA

     
     
 

DÉBORA COSTA: Oi, tudo bem? Eu sou Débora Costa, e hoje estou aqui para falar do meu Pet!

O meu pet se chama: Leon, eu ganhei ele da minha mãe. Antes dele eu tinha o Pretucho, ele nasceu em casa, era filho de uma cachorra que a gente tinha, e ele foi o único filhote dela que a gente ficou. O Tucho (apelido do Pretucho), era um companheirão mesmo, viveu 19 anos...

 



 

E eu já estava percebendo que ele estava indo embora, mas não queria ver ele morrer, um dia fomos viajar, e eu senti que quando eu voltasse, ele não estaria mais ali, e foi assim mesmo, no caminho de volta, meu irmão ligou e falou: Débora, o dog morreu... Eu não quis ver ele morto, fiquei muito triste mesmo e resolvi não ter mais cachorro, até que 2 meses depois, minha mãe chega em casa e diz: Tenho um presente pra você, e era o Leon.

 

 

Quando eu vi, não quis, mas 1 hora depois, mudei de ideia (risos), já amei ele, a escolha do nome foi legal também, eu queria colocar o nome de Tirolês, porque tem um episódio do Chapolin que um cachorro tem esse nome, mas minha mãe não gostou, e a gente estava vendo a novela: Meu Coração É Teu, e lá tinha um Leon, e quando dei essa opção todo mundo gostou! O Leon é uma alegria em casa, ele brinca, rouba as coisas e sai correndo, faz troca também, ele pega alguma coisa pra você dar uma coisa pra ele comer (risos), ele gosta de roubar as meias do meu irmão, que não gosta nada quando isso acontece. O Leon é amoroso, ele fica ao meu lado quando vou ver TV, ele se desespera quando alguém chora, ele me defende, ele é um amor mesmo! Eu amo muito o Leon, da mesma forma que amava o Pretucho, ele não veio para substituir o meu velhinho, ele veio para continuar a me dar alegria e amor.
 

GABO: Débora, bem-vinda ao quadro "Meu Amigo Pet". Que lindo o Pretucho e o Leon. Quando você descobriu a paixão pelos animais?

DÉBORA: Obrigada! É difícil falar quando descobri esse amor pelos animais, porque desde que me conheço por gente, amo os bichinhos! Desde criança mesmo.

GABO: Como o Pretucho chegou até você?

DÉBORA: O Pretucho nasceu em casa, uma cachorrinha que era do meu irmão deu cria, e demos todos, menos ele.
 

GABO: A produção recebeu uma foto dele, com um grande amigo. Confiram:

 


GABO:
Débora, como surgiu essa amizade?

DÉBORA: Só de falar da saudades! Ele era meu xodó! Era muito independente também, o Pretucho saia sozinho, ia ver as namoradas kkkkk, comer churrasco kkkk e voltava. Era um amigão mesmo, ele gostava de brincar de dançar, aliás, a única brincadeira, porque bolinha, bichinho, não eram com ele kkkkk

No lugar onde eu morava, tinha mais casas, e mais pets, incluindo um galo kkkkk

Esse galo era da minha prima, era comum você encontrar os dois juntos.

GABO: Minha mãe já teve um galo. O nome dele era Kiko. Andava com ela pra cima e pra baixo hehehe

DÉBORA: Kkkkkk o nome do galo que tinha lá, era Nestor.

GABO:
A chegada do Leon, conquistou a família. Ele rouba a cena e até virou garoto propaganda da "vigor". Como foi esse episódio?
 


 

DÉBORA: O Leon é o oposto do Pretucho kkkk, arteiro que só! E costuma pegar coisas e fazer troca, tipo: Peguei uma pedra, agora você me dá pão que eu solto.

Nesse dia do queijo, a gente tinha acabado de almoçar, e quando vejo, lá está o Leon, com o queijo, em cima do sofá, e foi engraçado, porque o jeito que o pacote estava, parecia propaganda kkkkk
 

GABO: Eles querem brincar, tem uma energia incontrolável. Durante a folia, ele captura vários objetos da casa, inclusive tamancos. E a mulherada da casa, como fica? kkkk
 



 

DÉBORA: A minha mãe fica louca! Kkkk no começo ele estragou várias coisas, mas hoje em dia ele pega para a troca mesmo, e se não for rápido, ele começa a morder o que pegou.
 

GABO: Se fosse para definir o Pretucho em uma palavra qual seria? E o Leon?

DÉBORA: Pretucho e Leon - Amor.

Não dá para ser outra palavra, é isso, eles nos amam sem pedir nada em troca, é sincero.
 


GABO: Débora, obrigado por apresentar seus amigos pets para a galera do Mundo Virtual.

DÉBORA:
Eu que agradeço! Adorei participar! O Leon manda Leps (beijos) kkkk

GABO:
Leps para o Leon kkkk. No próximo dia 30, a primeira novela exibida na emissora vai estar de volta. Em comemoração aos 15 anos de fundação, a WebTV vai reapresentar "Sedutora Melodia", novela de Francyslaine Vicentini.

 
     

SEDUTORA MELODIA ESTÁ DE VOLTA NA WEBTV

     
 

De um encontro, surge o inesperado romance, mas um trauma do passado poderá afetar essa relação.


 

 


Alexandra (Thalia) é apaixonada pela música, encanta a todos com sua melodia. O que ninguém imagina é que por trás dessa voz, ela esconde um segredo que a distanciou do amor.

 

 


A chegada de Marco Antonio (Mauricio Islas) vai mexer com os seus sentimentos. Ele é médico e está de casamento marcado com ambiciosa Michelle (Nora Salinas). Apesar de todas as diferenças, surge o inesperado romance entre Alexandra e Marco Antonio...

 

 



Já a Michelle não tem escrúpulos. Trai o noivo Marco Antonio, com o cunhado, Pablo (Fernando Carrillo).

 

 

Ele é irmão de Marco e sempre teve inveja dele. A Michelle vai ficar possessa quando descobrir que o noivo está interessado em Alexandra. Ela será capaz de qualquer coisa para tirar a rival do caminho. Perder tudo o que conquistou está fora de cogitação.

Alexandra e Marco Antonio terão que lutar contra a intriga e maldade para viverem esse amor embalado por uma sedutora melodia.

GABO: Dia 30, no Vale a Pena Ler de Novo, não perca a volta de Sedutora Melodia, aqui na WebTV.

O Misturama segue na área. Chegou o momento do "Eu Nunca". O meu convidado de hoje mora no Mato Grosso, perto de Rondônia. Atualmente publica a novela Maneiras de Ser no DNA TV. Vem pra cá, Weslley Fuchs.

 
     

WESLLEY FUCHS FALA SOBRE OS TRABALHOS NO MUNDO VIRTUAL

     
 
WESLLEY: Olá, muito feliz em estar aqui no seu programa.

GABO: Weslley, passamos recentemente pela correria do final do ano, e agora superamos a virada do ano, em partes algumas situações se acalmam, por outro lado, os trabalhos continuam. Quais são seus objetivos para esse ano no Mundo Virtual?
 
WESLLEY: Então, faltam exatamente cinco capítulos para eu terminar "Maneiras de Ser" e depois que eu acabar, eu quero férias, pretendo voltar somente no meio do ano que vem, ou no final, como eu geralmente faço. Minha última novela completa foi em 2016, Até o Fim, então esse ano eu vou descansar e focar nos meus objetivos como ator. Mas no mundo virtual eu continuo como telespectador.

GABO: Weslley, como você avalia a experiência na escrita da novela "Maneiras de Ser"? Quais foram os pontos positivos e negativos durante o trabalho?
 
WESLLEY: Acho que o tempo foi o meu grande aliado e inimigo ao mesmo tempo. Porque eu estou nesse projeto desde março ou abril se eu não me engano, então estou escrevendo durante meses, quase um ano e assim... Como eu posso caracterizar de bom nesse processo, foi a história inicial, onde duas protagonistas: Júlia e Heloísa, vivem no mesmo espaço que é a escola, mas encaram desafios diferentes... Foi difícil porque lá pra maio, eu comecei a ficar sem tempo pra escrever, então geralmente quando eu escrevia durante a semana, rolava muita encheção de linguiça e eu deixava as cenas importantes para o fim de semana e isso foi um erro eu diria e um acerto também (risos) porque o acerto era entregar toda semana um bloco de capítulos para o DNA e o erro foi deixar a história em segundo plano, tanto que agora esses últimos capítulos estão sendo os meus favoritos, porque eu estou com tempo e tá incrível, estou louco para todo mundo acompanhar!
 
GABO: A encheção de linguiça é conhecida como a famosa barriga na dramaturgia. Você acredita que ela possa ter afastado alguns leitores?
 
WESLLEY: Eu acho que os leitores não se afastaram, porque eles amam a Eva e eu vou surpreender muito eles nesses últimos capítulos, porque a Eva terá cenas maravilhosas e chocantes, o público vai se surpreender muito e eu acredito que vai ser incrível a reação de todos. Mas a encheção de linguiça foi usada em poucos capítulos, acredito que não prejudicou muito não, o público ama muito a Júlia também, acho que a Heloísa é a protagonista mais desprezada da história (risos) fiz de tudo por ela, mas o pessoal gosta mesmo é da Júlia e da Eva. A Beck é uma das queridinhas dos núcleos coadjuvantes
 
GABO: No Diário do Autor você falou sobre sua paixão pelo teatro e esse ano, ele será uma das suas metas. Como será sua participação? Haverá peças de sua autoria?
 
WESLLEY: Esse ano não surgiu nenhum convite no teatro, pode ser que ocorra durante o ano, mas eu tenho dois projetos pra esse ano, que é uma série da Kiara Baco que eu não posso dar muitos detalhes, mas eu viverei o protagonista e um curta-metragem cult reverente à violência doméstica que tá demais, esse a gente grava nesse primeiro semestre. E eu estou morrendo de saudades do teatro que os convites surjam logo (risos).

GABO: Weslley, a crítica marca presença no MV. Em algumas ocasiões causa polêmica. Qual sua reação diante dela?

WESLLEY: Eu acho que críticas são muito bem-vindas, mas também não precisa detonar, que isso mexe muito com o nosso EGO e aí a gente se pergunta "será que eu sou tão ruim e nunca vou melhorar?" Também não precisa apelar, essa é a minha opinião!

GABO: O que você ainda não fez no MV que tem vontade?

WESLLEY: Nunca briguei (risos) quem sabe um dia? To brincando! Eu nunca escrevi uma minissérie, um especial ou alguma coisa do gênero, tenho vontade de fazer um programa relacionado ao visual dos personagens das obras do Mv, modelos de roupas. Kkk, quem sabe um dia!

GABO: Olhaaaa o barraco kkkkkk

WESLLEY: Amoooo
 
GABO: Somos vizinho kkkk. Eu moro em Rondônia e você mora em Sinop no Mato Grosso. A cidade tem ótimos pontos turísticos. Qual lugar você recomenda para os turistas conhecerem na cidade?
 
WESLLEY: Olha, com certeza o rio Teles Pires hahaha, também recomendo a catedral, o parque florestal, e outros lugares que eu não lembro de cabeça hahahaa
 
GABO: Weslley, agora nossa conversa muda o foco. Vamos saber curiosidades sobre o MV e sua vida, além das picantes perguntas + 18. Vai começar o "Eu nunca". E aí, bora ou corre?

WESLLEY: oba, vamos lá, estou feliz, animado, preocupado e assustado hahahahahah. Vamos lá?
 
     

WESLLEY FUCHS PARTICIPA DO QUADRO "EU NUNCA" E FALA SOBRE MV, CURIOSIDADES E ASSUNTOS + 18

     
     
 

PERGUNTAS SOBRE O MV:


 
WESLLEY: Summertime Sadness, porque realmente kkkkk

WESLLEY: Porque eu to acabando a minha história e odeio despedidas, então essa música define muito kakkaka






GABO: DJ, solta o som. Vem aí Lana Del Rey.

WESLLEY: Amooo kkk.
 

GABO: A primeira pergunta já é direta: Eu nunca quis sair do MV.

WESLLEY: Eu já hahaha, uma vez eu me questionei e falei: "poxa, vale a pena investir tempo no MV" raciocinei uns três dias e falei: "Não". Ia sair, no final fiquei

GABO: O que te fez pensar em sair?

WESLLEY: Eu sempre penso no meu tempo e eu gasto tempo pro MV, mas vale a pena hahaha

GABO: Sim, vale a pena se divertir aqui no MV. De autor para leitor, você tem o hábito de ler produções no MV?

WESLLEY: Leio sim, tenho esse hábito. Estou ansioso para Escândalo do Marcelo, estreia em breve, empolgado!! Débora, Zih, Miguel, Henzo, adoroo kkk esse ano eu vou ler mais ainda, porque vou ter tempo não estarei escrevendo hahah

GABO: Sem falar que a leitura ajuda o autor no processo de desenvolvimento das obras. Agora a pergunta que não quer calar: Eu nunca olhei quantas páginas tinha o capítulo antes de ler.

WESLLEY: Eu já e pra ser bem sincero, eu prefiro quando tem muitas hahahah

GABO: Sim, dessa maneira a história possui um amplo desenvolvimento. E quando ela prende a atenção do leitor, você não quer desgrudar até o fim...

WESLLEY: Exatamente, penso da mesma forma

GABO: Eu nunca julguei uma história pela capa.

WESLLEY:
Eu sempre. Henzo, me perdoa, mas é que você era novato, quando tava rolando as chamadas de triângulo amoroso eu falei: vixi, vixiii, vai ser aquelas histórias de um telespectador noveleiro e não de um autor, puta merda, me enganei, que novelão, Henzo, sou teu fã.

GABO: Você chegou a dar esse feedback para o Henzo?

WESLLEY: Nunca comentei com ele, acho ele incrível, aliás quero escrever algo com ele, espero que um dia role.

GABO: Olha aí, Henzooo a proposta hehehe. Vamos seguindo no MV: Eu nunca esqueci de um personagem na história.

WESLLEY: Eu sempreee, literalmente, infinitamente. Aliás, obrigado, acabei de lembrar que esqueci de três: Rayssa, Jonas e Guto, tinha esquecido mesmo hahahah, ainda bem que faltam cinco capítulos para o fim. Na última novela que eu escrevi: Até o fim, eu esqueci de fechar o final de vários personagens, será que os leitores me perdoaram? Hahahha



 

GABO: Treeeta kkkkk. Da treta para a emoção, você curte escrever cenas dramáticas?

WESLLEY: Eu amo escrever cenas dramáticas. A cena da Karina apanhando do pai por ser lésbica foi muito forte pra mim que estava escrevendo e me tocou, aí no capítulo 100 vai ter mais cenas dramáticas envolvendo assuntos LGBTQ+ ❤. Maneiras de Ser foi meu recorde de cenas dramáticas, tem várias: Karina apanhando do pai, a morte da Mariza por conta da leucemia, a Alice contando para a mãe que é lésbica e sendo apoiada, tem várias.

GABO: De emoção para emoção: Eu nunca me emocionei escrevendo uma cena.

WESLLEY: EU JÁ. Toda vez, se eu não sentir, eu apago tudo e faço de novo. Eu tenho que sentir!

GABO: Colocando a veia artística do ator em ação hehehe.

WESLLEY: Oba, agora sim, heinnn, empolgado.




GABO:
kkkkkk. Vamos para a próxima: Eu nunca matei um personagem e me arrependi.

WESLLEY:
Eu já. Nessa novela inclusive, a Mariza, me arrependi pacas! Eu amava ela, mas a Julia precisava sofrer mais um pouquinho.
 

GABO: Eu nunca me decepcionei com um personagem.

WESLLEY: Eu já. Heloísa Blake, ela divide o protagonismo com a Júlia, mas a Heloísa me da nos nervos, nesses últimos capítulos eu acho que consegui salvar ela e vocês vão se surpreender, ahhh eu tenho certeza que vão.

GABO: kkkkk. Voltando a falar sobre leitura, conta pra gente:

Eu nunca menti falando que eu li um capítulo.

WESLLEY: Nunca. Não tenho nem roupa pra isso.
 

 

WESLLEY: Finalmente um EU NUNCA KKK.
 

GABO: kkkkkk Ele é sincero hehehe. Próxima:

Eu nunca escrevi um capítulo sem escaleta...

WESLLEY: Eu já. Eu sou muito de fases, às vezes uso, às vezes não.

GABO: Você comentou sobre a encheção de linguiça na novela "Maneiras de Ser". Você se arrepende desse episódio?
 

WESLLEY: Me arrependo, eu poderia ter ido pra outro lado mais coerente, mas foi, um aprendizado!.

GABO: Para encerrarmos o bloco:

Eu nunca quis alterar uma cena após a publicação.

WESLLEY:
Eu sempre, geralmente por conta dos erros de digitação hahaha.

GABO:
Agora vamos sair do Mundo Virtual e embarcar na vida pessoal do Weslley Fuchs. Vem muita curiosidade por aí. Bora, Weslley?

 
WESLLEY: Vamos, to empolgado.

GABO:
Mas antes fala pra gente qual música que representa a sua vida pessoal?
 
WESLLEY: Pergunta difícil hahah. Vou pensar aqui

GABO: kkkkkkkkkkkkk pensa ae

WESLLEY: Acho que é "Quase sem querer" do Renato Russo, define muito o meu inicio de ano. Total

 


 

CURIOSIDADES SOBRE WESLLEY FUCHS:


 
GABO: Então vamos lá:

Eu nunca bati o carro ou moto.

WESLLEY: Eu nunca. Amém, que continue assim, minha carteira é provisória ainda hahaha

GABO:
Hehehe todo cuidado é válido, ainda mais quando é provisória....

Próxima: Eu nunca dei PT.

WESLLEY:
Eu já, meus amigos ficam até com medo quando saem comigo porque sabem que eu vou fazer alguma coisa. Amigo, eu saí beijando todo mundo na balada e deu muito certo, não apanhei kakakak, e uma vez eu fiquei louco, louco, louco e... Tirei a roupa! Meus amigos me cobriram todo haahahahah
 



GABO:
Olhaaaaaa ele, Ana Paula. Pode isso? Conta mais. É vida louca que fala, geeente? kkkkk
 

WESLLEY: Vida louca e louca, no EU NUNCA meus amigos ficam pasmos, e no verdade e desafio eu sempre vou nos desafios e cumpro tudo. Tudooo, até desafiaram eu levar um tapa e eu levei, já tive que beijar meu amigo de língua, beijar sensualmente as pernas da minha amiga, colocar gelo nas partes íntimas, loucura! Todo ator ama desafios, pode perguntar pra qualquer um hahahah.
 


 

 
GABO: Caracaaaaaaaaaaaaaa. E choca a família brasileira kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

WESLLEY: Kkkkkkkkkkkkkkkk help-me

GABO:
Fogo no parquinhoooooo

WESLLEY: E eu apago com gasolina hahaah
 

GABO: Eu nunca mandei mensagem e me arrependi.
 

WESLLEY: Eu sempre, acho que eu faço isso seis vezes no mês hahahahah

GABO:
Você mexe muito nas redes sociais?

WESLLEY: Muito, principalmente no twitter e Instagram. No Twitter eu posto meus nudes! To brincando kkkkkk

GABO: 😱😱😱😱 mais revelações.

Aproveitando as redes sociais, Weslley, conta aí: Eu nunca curti minha própria foto ou post?


WESLLEY:
Eu nunca, acho bizarro hahahaha.
 

GABO: Eu nunca chorei por amor.

WESLLEY:
Eu nunca, juro. Juro. Ketlin, se você ler fica quieta hahahahaha (Ketlin é a minha ex e somos amigos)





GABO:
Tivemos uma pressão ali kkkkk

WESLLEY: kkkkkkk

GABO: Eu nunca passei o número errado para alguém.

WESLLEY:
Eu já e também uso desculpa falando que não tenho WhatsApp porque prefiro ligação. Mas o Weslley da vida real odeia falar no telefone e vive no Whatsapp.

GABO: Eu nunca usei um perfil fake nas redes sociais.

WESLLEY:
Já, pra stalkear kakakaka olhar os stories do Insta kakakaka.

GABO:
Stalkear? Vamos seguindo no ritmo: Eu nunca namorei a distância.

WESLLEY:
Eu já e não recomendo. É o ó e as chances de ser corno é grande galeris hahaah




 


GABO: Xiiiii. Foi tão traumatizante assim?

WESLLEY:
Demais kakakaka

GABO:
Para encerrar o segundo bloco, vamos seguir falando sobre paquera:

Eu nunca usei amiga (o) como isca.

WESLLEY:
Eu nunca hahahah juro, eu acho hein, não lembro kakaka.

GABO:
kkkkk digamos então que é parcial 50/50? kkkkkkkkkk.

WESLLEY: Digamos que sim kkkkk
.

GABO: No último bloco vem as perguntas calientes +18. Weslley, uma música para esse momento.

WESLLEY: Deixa eu pensar em uma música hahahahaha

WESLLEY: Olha, se fosse uma série sem dúvidas seria sex education hahahahah, mas uma música eu coloco Love da Lana Del Rey
.


 


EU NUNCA +18
:
 

GABO: Ao som de Lana Del Rey, começamos o +18.

Primeira pergunta: Eu nunca mandei nudes.

WESLLEY: Eu nunca. Eu recebo nudes, bastanteee, não sei o que acontece, sabe (risos) mas eu nunca mandei, quem sabe um dia.

GABO: Seguindooo...

Eu nunca fui a um motel.

WESLLEY:
Eu já, aliás amo hahahahah
 

 

GABO: Huuuuuuuuuuuuummmmm. Frequenta vários? Fale mais...

WESLLEY:
Opaaa, galera que eu me relaciono sempre leva e é uma mordomia danada kakakaka, adoro, mas eu vou em vários, então eu não fico marcado não. Eu gosto de motel, mas eu prefiro transar em outros lugares também, tipo o carro, tipo ao ar livre... EITA HAHAHA

GABO:
Olha só, e detalhe para o início da frase dele, sem querer fazer polêmica, loooonge disso kkkkk, mas olha só: GAAALERA que me RELACIONOOO uauuuu.
 

WESLLEY: hahahahahaahah

WESLLEY:
Acho que galera é uma das palavras que eu mais uso, mas eu vou dar uma pista pra vocês, eu sou bissexual, então... hahahaahahaah

GABO:
Mais Revelações aqui no "Eu nuncaaaaaa". Só corrigindo: Quando eu li galera, pensei que era mais de uma pessoa. kkkkk
 

WESLLEY: Olha, eu não vou mentir, já participei de uma orgia e foi iradoooooo

WESLLEY:
faria de novo? Não sei! Gostou? Gostei! Faria de novo? Só Deus sabe! Hahaha
 

GABO: Você disse que nunca mandou nudes, mas conta aee...

Eu nunca gravei um vídeo sensual...
 

WESLLEY: Também não, eu não gosto muito disso, sabe? Comigo é olho por olho hahahaha, tem que ser ao vivo.

WESLLEY:
Eu tenho medo de vazar também, sou muito cuidadoso com essas coisas.

GABO:
Essa parte é tensaaaa, muito tensa.

WESLLEY:
Sim, e já vazou nudes do meu amigo uma vez, foi maior polêmica hahaha

GABO:
Eitaaaa Giovana, segura o forninhooooo.

Eu nunca fiquei com alguém 10 anos a mais do que eu.

WESLLEY:
Eu já, eu sempre hahahaha, é sensacional, pessoas mais experientes, sabe? A gente aprende, mas tem que ser interessante senão não rola hahha.

GABO:
Então você concorda com a música: panela velha é que faz comida boa?

WESLLEY:
Ooooo certeza, mas assim, até 33 anos até agora hahahah mais velho que isso nunca fiquei.

GABO:
Huuuuuuum... pra você passar dessa idade tem problema ou é tranquilo?

WESLLEY:
Se a pessoa foi interessante eu não vejo problema, e eu nunca levei um fora mesmo hahaha

GABO:
Mantendo o tema +18, chegou mais uma pergunta:

Eu nunca fiz sexo no 1° encontro.

WESLLEY:
Eu já hahahahahahh.

GABO:
Hihihihihi agora eu quero ver:

Eu nunca chamei a paquera por outro nome...
E aí, Fuchs, connntaaaa aí...

WESLLEY:
Eu já e foi horrível, a pessoa ficou muito furiosa, porque era justamente a pessoa que ela mais odiava. Foi tenso, e eu tava empolgado grrrrr

GABO:
Você conseguiu reverter ou acabou todo o clima?

WESLLEY:
Acabou o clima, a pessoa ficou puta. Na verdade, eu estava ficando com as duas pessoas em momentos diferentes e a pessoa que eu chamei o nome errado não tinha ideia, deu no que deu.

GABO:
Climãooo tensoo emmm...

WESLLEY:
Nossa demais hahaha, eu só sossego quando eu namoro kakakak

GABO: Eu nunca realizei uma fantasia sexual.

WESLLEY:
Eu já, sempre quis transar na piscina e rolou, foi ruim, mas rolou.

GABO: Eu nunca fui pego na hora H.

WESLLEY:
Eu nunca Hahahahah

GABO:
Se aproximando da reta final:

Eu nunca marquei encontro pelo aplicativo de pegação

WESLLEY:
Eu já, mas depois que eu comecei a namorar eu desinstalei hahahah, eu to namorando agora, mas se eu não estivesse COM CERTEZA estaria agora com alguém do aplicativo hahahaah. Nos fins de semana eu vivo nas baladinhas.

GABO:
A penúltima pergunta:

Eu nunca tive um acidente sexual

WESLLEY:
Eu já kakakaka, a pessoa bateu a cabeça na cabeceira da cama, estragou tudo e foi minha culpa kakkaka

GABO: A últimaaaaaaaaaaa:

Eu nunca paquerei ninguém do MV.

WESLLEY: Eu nunca, jahaha, até porque nunca rolaria por conta da distância, até agora ninguém chamou minha atenção jahaha

GABO: E diante dessa última revelação, chegamos ao fim do eu nunca. Como foi essa experiência?

WESLLEY: Uma mistura de empolgação, medo, lembranças hahaahah foi maravilhoso, amei, adorei hahaha

GABO: Fica o espaço para suas considerações finais.

WESLLEY: Foi uma experiência incrível, uma ótima oportunidade para o MV me conhecer e eu adorei. Muito obrigado pelo convite, Gabo e fica aqui meu agradecimento.

GABO: Valeuuu Weslley. Sucesso na reta final de Maneiras de Ser e no teatro.

WESLLEY: Sucesso pra você também
.

 
 

 

     
 

GABO: Obrigado, Weslley. No dia 31 a Fabi Prieto vai participar do Diário do Autor. Veja o que vem por aí:

 

NÃO PERCA NO DIA 31 DE JANEIRO: FABI PRIETO NO DIÁRIO DO AUTOR DO BOLETIM VIRTUAL

     
 

FABI PRIETO: O RPG foi importante para ver os pontos de vistas e ações dos personagens de outras pessoas. Isso ajuda bastante no processo criativo e te faz aprender a lidar com situações inusitadas e pensar rápido.

...

FABI PRIETO: Por incrível que pareça, escrevi muitas histórias de terror. Nunca tinha me imaginado escrevendo esse gênero antes, mas acabei me identificando (o que é uma ironia, por que eu sou uma pessoa muito medrosa). Também gostei de escrever em estilo suspense, mais policial (as temporadas de CSI Miami serviram pra algo kkk), mas meu favorito ainda é o ramo da fantasia.

...

FABI PRIETO: Algumas antologias eu me arrependo de ter participado.

 
     
     
 

GABO: Dia 31 a entrevista completa no Boletim Virtual. O nosso programa chegou ao fim. Uma ótima semana a todos do Mundo Virtual. Eu volto no próximo programa. Um abraço e até lá.

 
     
     
https://1.bp.blogspot.com/-9RRN36J3v-k/Wtn59Sp17MI/AAAAAAAACW4/Y2YTzwynqBgLkQh7fFY3-e9Mvv1hlANdwCLcBGAs/s1600/credito_misturama.jpg
apresentação
Gabo

convidados
Débora Costra
Weslley Fuchs

repórter
Ritinha

entretenimento
contatoredewtv@gmail.com


REALIZAÇÃO


Copyright
© 2020 - WebTV
www.redewtv.com
Todos os direitos reservados
Proibida a cópia ou a reprodução

.aaa.
.aaa.
Compartilhe:

Edições do Misturama

Entretenimento

Misturama

No Ar

Programa

Comentários:

0 comentários: