Perfume - Capítulo 26



 

     
     
     

CAPÍTULO 26 - ROMEU & JULIETA
 
     
   
  Segurando uma taça de vinho branco, Miguel Xavier caminha para o escritório da morada, está satisfeito com aquela bela noite de domingo e com os serviços prestados pelos funcionários, que tinham matado seu maior rival naquele momento: Levi Monteiro. O homem acomoda-se na poltrona do escritório, na frente do notebook e abre um e-mail, os olhos audaciosos analisam os arquivos em anexo a respeito do inimigo, líder dos negócios de falsificação de produtos, conseguiu construir uma farsa com o capital de Antônio Monteiro, neste aspecto ambos são parecidos. 

Miguel pega o aparelho celular e disca o número de Jake Fremont. 

- Serviço completo. – Disse o homem ao atender. 
- Excelente trabalho, estou esperando as manchetes dos jornais. 
- Sempre sarcástico. 
- Claro, recebi alguns e-mails do Tyler. 
- Referente a vida desse tal Levi? 
- Sim. 
- Ele é muito misterioso, não acredito que seja apenas um simples empresário. 
- E simplesmente não é, Jake. Levi Monteiro, comanda a pirataria no Brasil. 
- Sério? 
- Sim, investiu sua herança e ganhou muitos lucros. 
- Nossa, muito inteligente. 
- É uma pena que se intrometeu no meu caminho. 

Xavier consegue controlar cada pormenor em torno de Arraial, seus funcionários são pagos para supervisionar qualquer ambiente suspeito e aniquilar diversos tipos de ameaças, Levi passou dos limites, infiltrou-se em locais inapropriados para descobrir exatidão referente ao assassinato de Pamela, ele não merece saber a identidade do facínora.

- Onde você está agora? – Miguel Pergunta. 
- Regressando para o distrito. 
- Tem certeza que eles estão mortos, não é? 
- Fiz da forma planejada. 
- Perfeito, duas mortes da mesma família, em tão curto tempo. Primeiro a Pamela, aquela vagabunda traidora que transava com o Jonathan Sampaio, agora Levi e de bônus, Tony Federline, todos vão achar estranho. Falta apenas a mãe, para manter essa raça extinta, se ela for a próxima a atravessar a extensão, terá o mesmo fim. 
- Recebi uma mensagem aqui no celular. 
- Sim. 
- Tem uma blitz logo adiante, tenho que desligar. 

A linha fica completamente muda. 
Miguel continua parado na poltrona observando o computador, tem certeza que seus homens são bem treinados, mas teme qualquer tipo de falha em certas características de operações, ás vezes é preciso de um pouco de sorte, para que tudo finalize da maneira planejada. Ele levantou-se rapidamente e caminhou até a varanda, contemplando a vista da sacada, a noite acobertava perfeitamente o mar. 

- Se você tivesse viva Pamela, certamente me daria filhos e hoje, não me sentiria tão sozinho, como me encontro neste momento, mas resolveu tentar me enganar, teve um final merecido, a morte é a única condição para os fingidos. Foi uma pena ter levado ao óbito um corpo tão jovem e perfeito.

Ele degustou novamente a bebida. 

- Mas tive de fazer isso, cedo ou mais tarde, me daria um golpe pelas costas, ao lado do encanto, existe a falta de caráter, não precisa de mais um desordeiro nessa relação. 

Miguel retorna para o escritório e colocou a taça em cima da mesa, retirando-se do cômodo e andando lentamente para o segundo andar, entrando na suíte principal do palacete. Permanece um pouco tenso devido ao longo dia cansativo de trabalho, os turistas estão chegando na cidade e o empresário precisa de novas mercadorias, escuta uma vibração no celular, trata-se de Tyler, o sono estava o consumindo, mas a curiosidade era mais forte, ele pegou o aparelho no criado-mudo e fez uma chamada. 

- Tyler, estava quase dormindo. 
- Desculpe-me. 
- Tudo bem, pode falar. 
- Consegui aquela mercadoria. 
- De primeira qualidade? Sem o hímen rompido? 
- Segundo o pai dela, sim. 
- É verdade, não é? Tem um empresário vindo fechar um acordo e preciso de uma novinha para ganhar esse contrato de publicidade. 
- Ela tem uns quatorze anos. 
- É de onde? 
- De uma aldeia em Trancoso, o pai dela está endividado e precisa de cinco mil para pagar as costas. 
- Só isso? 
- É, vendeu aquele brotinho por tão pouco. 
- Pode comprar ela, ficaremos apenas um final de semana, é o tempo necessário. 

Haviam diversos tipos de mulheres trabalhando para Xavier, as menores de idade eram de requinte e de estimado preço para muitos empreendedores ao redor do planeta, um dinheiro que acobertava o silêncio do patrimônio daquele homem. As mercadorias novas, trata-se de mulheres, precisava de uma mudança no dossiê, as mesmas garotas do ano passado, não pode receber esses turistas deste novo verão, apenas as melhores seguem adiante, as mais formosas. Ele dormiu profundamente com os pensamentos em mente e acorda de manhã com o volume da televisão, que apresenta o jornal local, a notícia refere-se a uma grande explosão de um carro perto de Vale Verde, ele sorri de maneira maldosa, mas logo, aquela expressão some do rosto: não existem mortes. O apresentador de vocábulo atenuado explica a situação, afirmando que a polícia investiga o caso. Ele desligou a TV e jogou o controle no chão, não contendo a raiva, aqueles desgraçados ainda estão vivos, teve vontade de socar o rosto de Fremont, milhares de vezes seguidas, mas lembrou-se do excelente desempenho do rapaz e isso não foi um erro dele e sim um golpe do destino. 

A campainha toca várias vezes, ele desce as escadarias enrolado em um roupão vermelho de seda e com os pés no assoalha, ao abrir a porta depara-se com Jake, os olhos dele estão inchados. 

- Desculpa, chefe. 
- A culpa não foi sua Jake, calma.
- Esse desgraçado parece que tem sete vidas. 
- Mas todo mundo tem um ponto fraco.
- E se esse ponto fraco tiver bem pertinho da gente? 
- Como assim? 
- A namorada dele, Barbara Novak, está hospedada no resort.  
- Excelente ideia. 
- A sequestramos e atraímos ele. 
- Ótima observação. 
- Obrigado. 
- E dessa vez, vou puxar o gatilho. 

O empresário está com sede de se vingar daquele miserável. Barbara é a mira, mas o objetivo é acertar Levi Monteiro, ou os dois juntos e finalizar com um pacote completo, afinal, a cronista pode sofrer o resto da vida com a perda do amado, é melhor enterrar os dois, que nem no romance Romeu & Julieta.
 
     

 

     

Inspirada na música Perfume de Britney Spears

autor:
Luiz Gustavo

personagens:
Levi Monteiro
Pamela Monteiro

Barbara Novak
Tomaz Brayton

Tony Federline
Amália Monteiro

Jonathan Sampaio
Miguel Xavier
Alice Jones

Olga Novak
Neide Alencar
Marcos Ribeiro

Evelyn
Hugo Rafael
Fagner Lima

Valentim

participações especiais:
Jake Fremont
Tyler
Claúdia Alencar

as crianças:
David Novak
Kevin Jones
Douglas

música:
Summertime Sadness - Lana Del Rey

colaboração:
Thiago Machado
Márcio Gabriel

agradecimentos:
Juliana Cordeiro
Victor Marçal
William Araújo
Rodrigo Ferreira

produção
Bruno Olsen
Cristin Ravela

Esta é uma obra de ficção virtual sem fins lucrativos. Qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.


REALIZAÇÃO


Copyright
© 2019 - WebTV
www.redewtv.com
Todos os direitos reservados
Proibida a cópia ou a reprodução

.aaa.
.aaa.

Compartilhar:

Postar um comentário

 
Copyright © WebTV | Design by OddThemes