Misturama 6x09 - WebTV - Compartilhar leitura está em nosso DNA

O que Procura?

HOT 3!

Misturama 6x09

Apresentação: Gabo Olsen
Compartilhe:
Troque a Fonte Aqui

https://4.bp.blogspot.com/-vBpUGE6hbgg/Wtn4kt-fgPI/AAAAAAAACWk/ALLDXQSBHMoRHgYoaO0EnM9QDV-F5IEuwCLcBGAs/s1600/Misturama%2B2018.jpg
 

MISTURAMA, 16 de dezembro de 2018
 
 
   
 

GABO: Fala galera, Misturama na área. Hoje é dia de debate. No último programa do ano vamos falar sobre um assunto que deu o que falar no mês passado no MV. A Cristina Ravela, autora da minissérie Gato Preto viu uma publicação em uma fan page no Facebook e o assunto deu o que falar sobre o uso de imagem de artistas para representar os personagens no Mundo Virtual. Mas antes de irmos ao debate, a autora Fabi Prieto falou sobre o início de tudo no MV. Está no ar o quadro "Como eu cheguei aqui".

 
 

COMO EU CHEGUEI AQUI: FABI PRIETO CONTA TUDO!

     

FABI PRIETO: Olá! Sou Fabiana Prieto, farei 26 anos em janeiro, estudante e escritora. Nas horas vagas sou jogadora e narradora de RPG, desenhista e jogadora de video game. Moro em Nova Iguaçu - RJ com mãe, avó e 6 gatos.

COMO EU CHEGUEI AQUI

Iniciei no MV quando uma amiga (Isa) me convidou a postar um trabalho meu no Cyber Series (atual CyberTV) em setembro do ano passado, acho. A obra foi "Florescer de Espinhos", a primeira série que fiz completa na vida. Hoje já tenho outras obras publicadas no site e isso abriu meus horizontes, pois já tenho algumas participações em antologias por editoras.

Aqui neste quadro no Misturama estou graças ao convite do Gabo pela minha participação com o conto "O Gazebo das Memórias" na série antológica 00h (obrigada pelo convite!).
 

PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Para ser sincera, minha primeira impressão foi estranheza (risos). Eu não imaginava que existissem sites com perfis de emissoras, que publicassem séries, novelas e etc. Mas logo me senti à vontade e gostei, porque fui muito bem acolhida pela equipe do Cyber.
 

O CONTATO COM A ESCRITA

Desde os 15 anos já tinha costume de escrever quando jogava RPG em fóruns. Essa foi um experiência importante para começar a aprender sobre narração. Mas escrever uma obra completa só minha foi quando participei no Cyber com a web série "Florescer de Espinhos". Depois fui convidada a participar da primeira antologia e, desde então, encarei a escrita como profissão.
 

A PRIMEIRA VEZ

Eu me senti nervosa. Escrever para mim e meus amigos é uma coisa, para um público era algo completamente diferente. Eu não sabia se as pessoas iriam gostar. Receber o primeiro comentário foi emocionante. E quando concluí a série, senti uma grande satisfação de, enfim, ter feito algo completo.
 

CONVIVÊNCIA

Sempre fui bem apoiada por todos, principalmente pela Isa, que atura todas as minhas noias e me incentiva bastante. Quanto a inimigos, não que eu saiba. Acho que meu maior inimigo sou eu mesma, minha insegurança e ansiedade.
 

MUNDO VIRTUAL EM UMA PALAVRA

Oportunidade. Escolho essa palavra porque acho que o MV é um lugar que permite a novos escritores a mostrar o seu trabalho. Foi uma oportunidade para mim que mudou minha vida.

GABO: Obrigado, Fabi pela participação aqui no Misturama. Abraços. O uso de imagem de artistas para representar os personagens das tramas virtuais é certo ou errado? Pode haver punição? Hoje falaremos sobre o assunto no debate. A primeira convidada é uma dinossaura do MV. Com mais de 10 anos no currículo, ela apresentou e escreveu, será que participou de barraco? Claro que já, vem pra cá Zizão Faiscão, nossa querida Zih... kkkkkkkkkkkkkk

 
     

CRISTINA RAVELA, MARCELO DELPKIN E DÉBORA COSTA PARTICIPAM DO DEBATE SOBRE O USO DE IMAGEM DE ARTISTAS NAS OBRAS VIRTUAIS

     

ZIH: Boa noite, Gabo! Sim, eu mesma, a pessoa que mais viu e participou de barracos nesse MV.

GABO: O segundo convidado escreve, apresenta e fiquei sabendo que no ano que vem ele será internacional. O rapaz tá chique, o Leão será exibido no Portal Glook. Sucesso hen.... Chega ae Marcelo Delpkin...

MARCELO: Boa noite, Gabo! É um prazer estar aqui.

GABO: A terceira convidada eu descobri que ela também tem uma longa jornada aqui no MV. Ela já participou do Recanto das Letras, Teleglobo, é apaixonada por artistas latinos e além disso ela escreve e apresenta também. Hoje o programa está repleto de artistas que participam de diversos segmentos do MV. Vem pra cá Déboraaaa Costaaa.

DÉBORA: Hola!!!!! Kkkkk Oi gente. Boa noite.

GABO: Antes de iniciarmos nosso debate, nós vamos acompanhar a reportagem que foi exibida na última edição do Jornal Online sobre a notificação que a autora Cristina Ravela foi envolvida. Acompanhe:

CRISTINA RAVELA RECEBE NOTIFICAÇÃO DEVIDO O USO DE IMAGEM DE ARTISTA NA MINISSÉRIE GATO PRETO
 

O uso de imagem de artistas nacionais e internacionais é comum em autores virtuais para representar os personagens de suas histórias. As fanfictions, uma narrativa ficcional, escrita e divulgada por fãs em blogs, sites e em outras plataformas escalam artistas para interpretarem os personagens sem a intenção de ferir direitos autorais ou obter lucros.
 

Diante esse meio, existem emissoras virtuais que apostam em obras no formato roteiro e literário com o mesmo intuito, promover a escrita e levar histórias com o uso de artistas.
 

Recentemente, Cristina Ravela, autora de grandes sucessos incluindo Raíza, Anti-Herói e Gato Preto, viu um post na fanpage do artista Lucci Ferreira, na qual a obra Gato Preto foi acusada do uso indevido de imagens e plágio da novela “O Sétimo Guardião” por conta tão somente do "gato preto". O ator Lucci Ferreira participa da novela interpretando o personagem Patrício Nasser.

 

Durante a acusação não foi explicado que Gato Preto era uma obra escrita, sem vínculo com a TV, acabou fazendo acusações.


 

 


Cristina Ravela esclareceu o ocorrido e explicou que o uso de imagem de artistas era usado como forma de homenagem: “Primeiramente, quero deixar claro que, nos episódios escritos de Gato Preto havia uma nota no final deles esclarecendo que o nome dos atores era usado como homenagem, sem fins lucrativos. Inclusive, muitos sites fazem isso como o Wattpad. É uma homenagem e ninguém ganha nada com isso e eu não imaginava que você, que divulgava o trabalho, nem sequer tivesse lido para poder expor. Ainda assim, peço desculpas pelo mal entendido. O que vale na série é a leitura e a imaginação. Quanto ao suposto plágio este não existe. Gato Preto foi escrita em 2016, e reprisada este ano. Agradeço a atenção”, disse a autora.


No fim deu tudo certo, a responsável pela fanpage se desculpou e disse que o ator ficou feliz com a homenagem: “O intuito do esclarecimento é pelo fato da novela ter o mesmo tema da novela virtual: Um gato preto. O trabalho foi divulgado aqui em nossa Página Lucci Ferreira o ator se sentiu lisonjeado com a homenagem, mas a coincidência da série virtual com a novela é inevitável. Por esse motivo temos que explicar aos fãs que um trabalho não tem nada a ver com o outro. Fizemos publicidade e torcemos para seu trabalho dá certo. Sucesso em qualquer projeto Minissérie Virtual sua”, finalizou a responsável pela fan page.

 

O caso abriu discussão em um grupo de WhatsApp, e isso fez com que Well Vianna, responsável pela direção do Cyber TV optasse por não usar mais fotos de artistas nas produções da emissora, evitando novos problemas como esse e preservando o site caso   algum artista resolva processar o site devido o uso de imagem de artistas sem autorização. Algumas pessoas que fazem parte da emissora foram a favor, outras não, pois o uso da imagem dos artistas não envolve lucros, somente leitura e entretenimento para a imaginação dos leitores. Logo depois da decisão tomada, Débora Costa optou por deixar a emissora e assinou contrato com a Megapro.


reportagem: Gabo Olsen

GABO: Após a reportagem, eu lanço uma pergunta, o que vocês acharam do episódio envolvendo a notificação?

DÉBORA: Essa notificação foi feita por uma fã sem noção, no mínimo com medo da Cristina chamar a atenção do ator e ter a atenção dele.

ZIH: Débora kkkkkkkkkk Possivelmente.

ZIH: Uma injustiça! A pessoa nem se deu o trabalho de ler os episódios, porque acusar de plágio? Tenho que tá desesperada pra copiar Aguinaldo, né meu anjo? E usar as imagens, pow, memes usam imagens dos atores e políticos.

DÉBORA: Se a notificação tivesse vindo do ator seria diferente, mas não foi.

ZIH: Sem contar que eu sempre deixei claro que as imagens eram apenas para ilustrar a minissérie, sem fins lucrativos. Será que as pessoas leram só por conta dos atores? Lucci Ferreira nem soube de nada, tá lindamente naquela novela das 9.

MARCELO: Pra mim foi uma arbitrariedade de uma líder de grupo que tomou decisões que cabiam somente ao ator e aos assessores jurídicos dele.

GABO: Quando a pessoa não tem o conhecimento sobre o assunto que está abordando, o julgamento pode ser injusto. No caso da acusação ela foi injusta, tanto que no final ela se desculpou.

DÉBORA: Exatamente!

MARCELO: Mas ninguém está livre de tomar um processo "sacana" por uso de imagem. Até provar que focinho de porco não é tomada, e que não há fins lucrativos no uso da imagem, o processo pode já rolar e estar adiantado. Há atores e advogados que se aproveitam de qualquer brecha para se darem bem. Não foi o caso de Gato Preto, mas tudo pode acontecer. Mas também há atores que entendem que tudo é apenas homenagem e carinho dos autores virtuais ao trabalho deles na TV.

ZIH: Também concordo, Delpkin. É um risco muito grande. To nessa há 10 anos, e essa foi a primeira vez que algo assim aconteceu. Nem sei como ela chegou à page de GP, porque o Lucci Ferreria nem era o grande protagonista, era um deles, mas só citei o nome uma vez, com promocional.

MARCELO: concordo. De certa forma, a acusação foi leviana. O plágio ocorre quando se copiam 70% ou mais de um texto, tintim por tintim. O resto é intertextualidade de duas obras que possuem semelhanças, somente.

ZIH: Depende, Delpkin. Se houvesse semelhanças no enredo, tipo um gato que fala com alguém, um lago misterioso e um guardião, pow...Aí eu estaria copiando mesmo.

GABO: Eu lembro que na época o Henzo Viturino enviou uma mensagem no Instagram do ator Carmo Dalla Vechia e falou sobre o uso de imagem para ilustrar o personagem. Ele tomou ciência sobre o assunto e disse "fique a vontade".

MARCELO: a Débora fez o mesmo ao comentar com o Manuel Landeta sobre Hierarquia.

DÉBORA: Sim o Manuel Landeta me desejou sucesso, ele não disse, vou te processar por usar minha Imagem.

GABO: Além da acusação, não houve leitura da trama e o que impressionou foi o fato de uma coincidência do animal "gato preto" estar presente na trama e o ator ter sido escalado para a trama virtual e a trama da televisão kkkk

DÉBORA: Na minha opinião esse medo de um processo por usar fotos que estão na Internet é bobagem, as imagens estão em sites públicos, se realmente fosse proibido eles dariam um jeito de não ter como salvar as fotos. E até onde eu sei ninguém lucra com essas Imagens, ninguém se passa pelos atores, são apenas fotos.

MARCELO: E a fã sequer pesquisou sobre a origem da série Gato Preto, que é de 2016. Ou seja, anterior a O Sétimo Guardião.

ZIH: Pois é, minha gente. Lucci em duas produções com gato preto. Mas ela nem viu que o meu gato era simbólico kkkkkkkkkkk

GABO: Sim, Marcelo. Por isso que antes de qualquer acusação é preciso pesquisar, conhecer sobre o assunto, assim evita uma acusação injusta.

MARCELO: Ele ainda esteve em O Leão, como participação especial em alguns capítulos.

GABO: Débora, você chegou a pensar que ele poderia ficar intrigado com a situação e acionar o advogado?

DÉBORA: Não, eu gostei tanto do rosto que achei para meu personagem que quis falar para o ator como ele estava me inspirando, não pensei em processo.

GABO: E você Zih, por um instante pensou que o sinal vermelho poderia causar polêmica no MV e advogado entraria no meio? E você Marcelo, achou que rolaria processo?

MARCELO: jamais comuniquei aos atores sobre a existência de O Leão, mas teria como acessá-los em caso de necessidade.

ZIH: Pensei não kkkkkkkkkkk Mas depois desse tere-te-te, acho que vou moderar o uso. MODERAR, não parar.

MARCELO: No caso da fã, não, pois seria um processo ilegítimo. Mas pode haver uma primeira vez com qualquer um de nós, infelizmente. Há atores ou assessores que veem no uso das imagens uma oportunidade de se dar bem financeiramente em cima do nosso trabalho e do que seria nossa homenagem a eles, como disse acima.

GABO: O acontecido deixou o clima no MV pesado, algumas pessoas foram a favor e outras contra, que o uso por não envolver publicidade e ganho com essa tendência, vocês são contra ou a favor do uso de imagem?

MARCELO: Minha próxima novela, Flashback, não terá elenco divulgado na Cyber TV, devido às novas normas. Mas nas redes sociais, principalmente no WhatsApp, poderei por vezes fazer citações. Independente de tudo isso, escrevo muitas vezes pensando em atores sim. É algo que me ajuda.

ZIH:
Na Cyber eu não usaria, mas nos grupos fechados sim. E na WebTV eu usarei moderadamente. Anti-Herói sem Aaron Ashmore, Igor Rickli e Yasmin Gomlevsky? Ah não, bicho, num dá.

MARCELO: Há algum tempo, o Well Vianna vem recebendo sugestões de algumas pessoas para suspender o uso de imagens de atores, devido à possibilidade de futuros processos. O episódio com Gato Preto levou à suspensão atual.

ZIH: Gato Preto causando azar e sucesso por aí. Quer Megapro? WebMundi GO? kkkkkkkkkkk

DÉBORA: Eu sou a favor do uso de imagens, faz parte do processo de criação, acho que fica sem graça não mostrar os rostos ao público, além do mais eu preciso também, por exemplo, Giane Gouveia foi inspirada na Cleo, e Ligia Bittencourt na Sandy, porque não mostrar ao publico?

MARCELO: No meu caso, usar ou não imagens no site não faz diferença no meu trabalho. Sei que muitos leitores se guiam por rostos conhecidos, mas este trabalho é possível de ser feito somente nas redes sociais, sem utilizar necessariamente a Cyber TV para isso. Outros autores já precisam dessa integração. Isso vai muito de cada autor.

ZIH:
Memes podem. Ok, vão dizer que ninguém ganha visibilidade própria com isso, mas não acho que quem lê minhas obras seja por conta unicamente dos atores. Se alguém chega pra mim e diz que to ganhando visibilidade com a foto do ator, eu digo: Meu anjo, faço isso por amor e o meu trabalho depende do meu talento, se a imagem do ator me desse visibilidade, eu usaria a dos políticos que estão mais em alta e ainda pago de politizada kkkkkkkkkkkk

MARCELO: Recentemente escrevi um conto em 00:00 sem um ator sequer. Foram personagens totalmente imaginários. Uma experiência diferente. Em novelas ainda não consegui fazer essa separação.

GABO: E num passado não muito distante Gato Preto seria uma novela mexicana com Thalia e Cesar Evora no elenco kkkk e se fosse virar novela ela seria exibida na Rede Info, na época. O tempo passou virou mini e ela deu o que falar 😮

ZIH: Cesar Évora seria um lindo Alessandro ❤ kkkkkkkkkkkk

GABO: kkkkkk

MARCELO: Off: Gato Preto mexicana? Fiquei curioso.

GABO: E com outro nome kkkkkkkkkkk #Curiosidades dos bastidores

ZIH: hehehehe Thalia como a bela Maria Alice. Kuno Becker seria o Noel

GABO: Amor a mil por hora kkk Faltou a Anahi kkkkk

ZIH: kkkkkkkkkkkk

MARCELO: E a Lyvia Peroba vai lançar Baila Amor, novela mexicana, no portal Glook. Thalia será a protagonista. Promete.

GABO: O uso de imagem dos artistas virou tradição no MV, e a polêmica trouxe algumas mudanças, como foi o caso da Cyber TV que retirou os artistas. Vocês acreditam que esse fator do cancelamento da imagem possa repercutir negativamente na leitura das obras? Tendo em vista que o autor usa a imaginação e crie uma referência com o artista?

MARCELO: Depende muito. Há todo tipo de leitor na Cyber TV. Por ser uma emissora que lança trabalhos de estilos mais variados, da novela ao filme, da série ao conto, pode ser que perca leitores que se identifiquem mais às histórias com atores. Já para os leitores que se identificam com os textos por si mesmos, não acho que fará muita diferença. Ou a série 00:00 não seria um sucesso.

ZIH: Acredito que não, Gabo. Quando me davam feedback, raramente citavam o ator. Lembro apenas que a Maria Flor era constantemente lembrada como Raíza por quem lia. Agora, isso ocorria porque eu fazia promocionais, destacava o nome deles, fotos...do contrário, acho que ninguém deixaria de ler se não tivesse atores. Faço isso porque acho phoda fazer as artes e imaginar os atores ali.

MARCELO: Isso que a Zih falou me lembra os comentários que lia sobre O Leão. Muitos falavam das maldades da Solange, das cenas do Ivan com o filho, mas quase nenhum citava a Grazi Massafera ou o Eduardo Lago. E só nós, autores, que falávamos sobre o Igor Rickli (Vlad) neste e em outros dois trabalhos.

ZIH: Verdade, Marcelo. Acho que o Igor Rickli roubou a cena mesmo hehehe

GABO: Zih, sobre a lembrança do artista com a trama virtual, o ator Nicholas Hoult, devido a grande publicidade que o Joey fazia na série Em Segredo, muitos leitores já faziam a associação do artista com o personagem. Você lembra?

ZIH: Lembro sim, Gabo. Espero que ele esteja bem kkkkkkkkkkkk

MARCELO: Mas as novelas da Débora são mais visuais que as minhas, então a presença dos atores é muito marcante. Por isso eles são tão essenciais para ela. O que seria Franco se não fosse o jeito do Manuel Landeta? O que seria de Giane sem o corpo da Cléo? Como eu disse, isso é muito do autor.

ZIH: Lembrei aqui que teve quem elogiasse a atuação do Herson Capri como Avelino, porque acharam perfeito. E o Osvaldo Mil como Mazinho também kkkkkkk

GABO: kkkkkk. Atuação estrelar

DÉBORA: Já sim e teve caso do leitor me procurar e falar que imagina outro ator para tal personagem.

MARCELO: Tem uma novela que leio na Cyber chamada Cecília. Ela é literária. O autor é bem jovem e escreve muito bem. Ele se chama Hian Araújo. Não há elenco. Mas confesso que já imaginei atores para alguns personagens.

ZIH: No literário ainda não me ocorreu imaginar atores, mas no roteiro pode ser mais comum.

GABO: Em tramas literárias, os autores por seguirem a tendência dos livros, o uso de autores não é comum. Já no roteiro, por se aproximar do formato televisivo, essa associação é mais frequente. No MV temos essas duas relações.

DÉBORA: Pois é

GABO: Galera, aproveitando que estamos nesse segmento, na internet temos fanfics sobre várias tramas televisivas, como Rebelde, Harry Potter e cia e os atores marcam presença nas histórias. O que acham do segmento?

MARCELO: Pra falar a verdade, só li uma fanfic até hoje. Foi Relatos de Ying Solo, da Andréa Bertoldo. Gostei muito.

DÉBORA:
Eu acho super criativo! Os fãs se tornam autores para não deixar o personagem amado limitado a história verdadeira,entao vai lá e criam novos rumos

GABO: Lembro que na época do Orkut, fanfics sobre Rebelde dominavam a rede.

DÉBORA: Eu tinha uma personagem, Mia Colucci kkkkkk

MARCELO: Já vi fanfics por aí até sobre novelas como Os Dez Mandamentos, Cheias de Charme, Apocalipse... Não li, mas sei que eles estão à disposição de qualquer um que queira ler.

GABO: E por gostarem de colocar os personagens em novas situações, surgem as fanfics baseadas em livros, filmes, novelas e séries e é nessa brincadeira que surgem novos autores.

DÉBORA: Isso mesmo Gabo, gostei, a pessoa toma gosto por escrever.

ZIH:
Nunca gostei de fanfics, mas se tiver alguma com o Loki sexy eu quero kkkkkkkkkkk Mas eu não gostar tá muito atrelado àquelas fanfics doidas, com Selena e Faustão. Eu ficava assustada com a criatividade

MARCELO: Selena Gomez e Faustão? Como assim?

GABO: Faustão? 😮 kkkkkkkkkkkkkk

ZIH: É, Marcelo, teve uma fanfic em que os dois eram apaixonados

ZIH: Joga no Google, pipow!

GABO: A Zih é fã da história kkkkk

ZIH:
Li só trechos, tá, Gabo kkkkkkkkkk

MARCELO:
E eu achando que já li de tudo. E olha que cheguei a ler uma vez uma webnovela no Orkut na qual a vilã colocava a cabeça da mocinha no ânus de um elefante, literalmente. Olha a criatividade da pessoa.

GABO: Nossa, Marcelo, pra que isso produção?

ZIH: Olha, essa história hen, Marcelo. Depois da Perna Mecânica, nada me assusta

MARCELO: E a novela era muito boa. Tinha trama policial e tudo. Muito bem escrita. Mas teve essa tortura pra lá de exótica.

GABO: Vocês escreveriam tramas literárias?

ZIH: Somente contos

DÉBORA: Acho difícil, meu negócio é roteiro mesmo, contos sim

MARCELO: Eu já escrevi um conto para 00:00. Penso em escrever mais coisas, sim.

ZIH: E tudo policial, porque eu tenho uma veia Sílvio de Abreu com JEC hehehe

DÉBORA: Kkkkk

GABO: Teve um dia que eu escrevi alguns capítulos de uma trama literária e gostei do resultado. Parecia que estava lendo um livro kkkkk

ZIH: Essa é a ideia, Gabo kkkkkkkkkk

GABO: Então Zih, e não é que a ideia deu certo kkkkkkkkkkkkkkk

MARCELO: Também tenho preferência por roteiro. Mas o literário também é gostoso de escrever.

MARCELO: Uma tendência que tem crescido muito no MV é a mescla do roteiro com o literário. Várias novelas da Cyber TV apresentam essa característica.

ZIH: Confesso que não gosto muito, Marcelo. Quando é literário com pitadas de roteiro, até passa. Mas roteiro com pitadas extremas de literário, não dá. Devia cada um em seu quadrado. Gosto do roteiro sendo roteiro. Até tolero aquelas frases tipo "ele colocou a mão no peito, sentindo profunda dor". Não é correto, mas passa

MARCELO: Realmente, Zih. Também não gosto muito quando o autor enche as rubricas do roteiro de "vemos aqui, vemos ali, vemos o cachorro"... Acho desnecessário. As frases simples, como "Giane e Solange trocam tapas" já mostram a cena direitinho.

DÉBORA:
Eu acho estranho também isso de Novela literária.

GABO: Sobre o literário, ele conseguiu conquistar o espaço no MV, assim como o roteiro e agora os dois tem ampla visão no MV, acho isso bacana.

GABO: Como vocês imaginam o futuro do MV?

DÉBORA: Uma pena que não temos recursos financeiros para transformar tudo o que está escrito em vídeo! O MV tem boas chances de se tornarem emissoras virtuais

ZIH: Uma pena mesmo, Débora. Acho que se tivesse a metade da visibilidade da fanfic da Selena e do Faustão tava é bom kkkkkkkkk

MARCELO: Acredito que o MV futuramente siga como está agora. Sempre vai ter quem queira se expressar através das palavras nas emissoras, nos Recantos e nos Wattpads; outros se "aposentarão" pelos mais diversos motivos; e a vida gira.

ZIH: Todos na cadeia que nem o Édy Dutra falou, sendo notícia nos jornais e a gente gritando: Agora todos nos conhecem!

GABO: Zih, bate na madeira três vezes kkkkkkkkkkkk Sabe o que isso me lembrou? O responsável pelo personagem Irmã Zuleide foi parar na cadeia kkkkkkkkkkkk

DÉBORA: Kkkkkkkk

ZIH: Não sabia desse caso, Gabo 😮

GABO: Sim, foi parar na delegacia 😮

GABO: Ele foi preso após a dona da foto que caracteriza o personagem na internet realizar uma denúncia alegando constrangimento e difamação

ZIH: Gente...Pelo menos a gente não constrange ninguém

GABO: Né? kkkkkkkkkkkkkkkkkk

MARCELO: Teve alguém na Cyber TV que fez vídeos e desenhos com sua própria história. Não lembro quem foi agora, mas tem uma série de animes dele lá na Cyber, na seção Play.

GABO: Marcelo, eu vi no grupo do Facebook essa série.

GABO: No YouTube encontramos curta metragens, talvez se criássemos de uma maneira assertiva e com a pegada jovem, o MV poderia talvez ter um novo rumo, quem sabe? Afinal, toda divulgação é válida. Já pensou algum roteirista querendo produzir alguma história do MV?

ZIH: Netflix, I'm here!

GABO: Netflix, estamos aqui kkkkkkkkkkkk

MARCELO: Netflix, Globo, Record, SBT, please!

MARCELO: perguntei ao Édy hoje que história ele escolheria para escrever, caso alguma emissora de TV o contratasse. A resposta vai ao ar no Cyber Backstage do dia 22.

GABO: Marcelo, olha o spoiler 😮 kkkkkkkkkkkkk só deixando a galera curiosa. Eu acho que seria Passos da Paixão

GABO: Hoje o dia rendeu e o debate está chegando ao fim. Fico o espaço para as considerações finais e a opinião de vocês sobre o tema.

MARCELO: Acho muito válido escrever uma história, principalmente se for uma novela em roteiro, com um elenco em mente. Mas colocá-lo em exibição na internet pode implicar (ou não) em questões judiciais e em processos que podem dar muita dor de cabeça ao autor. Então, moderação nunca é demais nessas horas, principalmente em relação ao site onde será feita a postagem. Nas redes sociais, a responsabilidade é só do autor. Mas nos sites de postagem, outras pessoas podem sofrer medidas legais junto. Então a receita é ver bem o terreno em que se pisa, e escrever feliz a sua história. Muito obrigado pelo convite, Gabo. Foi muito bom estar aqui.

ZIH: Obrigada pelo convite, pela oportunidade de um debate muito bom a respeito de um tema que causou grande alvoroço no MV. Moderação é a palavra chave a partir de agora. Valeu, gente! Até uma próxima!

DÉBORA: Obrigada pelo convite! Adorei estar aqui hoje e com esse tema que acho importante, repito, ao meu ver não tem problema nenhum em pegar uma imagem que está na Internet. Beijinhos, boa noite!

ZIH: Vou continuar usando, mas como eu disse, mais moderadamente. É um risco sim a gente sofrer penalidades e se a WebTV não quiser usar mais imagens, terá o meu apoio. Mas usarei nos grupos kkkkkkkkkkk

GABO: O final do ano se aproxima e aproveito e deixo o espaço a vocês para falarem com a galera do MV sobre esse momento especial do ano.

ZIH: Não coloquem uva passa no arroz. Feliz 2019!

MARCELO: Em 2019 estreio minha nova novela na Cyber TV, Flashback, e continuo com os programas Cyber Backstage e Observatório da Escrita. Também lançarei O Leão para o público latino no portal Glook. Desejo a vocês um ótimo Natal e um excelente 2019 com muitas boas realizações. Ah, claro, sem uva passa e com muito champanhe!

DÉBORA: Eu desejo á todos um feliz e abençoado 2019! Beijinhos.

GABO: Obrigado, pessoal. O debate foi ótimo. E que em 2019 venham muitas emoções no MV. Falando em emoção vamos conhecer o Leonan Nascimento, o garoto propaganda da emocionante campanha de Natal do Boticário. Bora pro VT:

 
 

O NATAL INSPIRA LINDOS MOMENTOS: CONFIRA O EMOCIONANTE COMERCIAL DE NATAL DO BOTICÁRIO

     
     
     

 

     
 

GABO: Esse comercial é lindo e promove de forma tão emocionante a importância da inclusão social e e conscientiza sobre o amor ao próximo. O verdadeiro significado do natal está na alegria, amor e  de ver a família unida e feliz. Hoje chegamos ao fim de mais uma temporada do Misturama. Desejo um feliz Natal e um Próspero 2019 a todos do MV. Pra encerrarmos a temporada, vem aí Demi Lovato cantando: All I Want For Christmas Is You. Boa noite Mundo Virtual e até 2019 na nova temporada do Misturama.

 
     

DEMI LOVATO - ALL I WANT FOR CHRISTIMAS IS YOU: FELIZ 2019 MUNDO VIRTUAL

     
 

 

 
     
     
https://1.bp.blogspot.com/-9RRN36J3v-k/Wtn59Sp17MI/AAAAAAAACW4/Y2YTzwynqBgLkQh7fFY3-e9Mvv1hlANdwCLcBGAs/s1600/credito_misturama.jpg
apresentação
Gabo

convidados
Cristina Ravela
Débora Costa
Fabi Prieto
Marcelo Delpkin

repórter
Ritinha

entretenimento
contatoredewtv@gmail.com


REALIZAÇÃO


Copyright
© 2018 - WebTV
www.redewtv.com
Todos os direitos reservados
Proibida a cópia ou a reprodução

.aaa.
.aaa.
Compartilhe:

Edições do Misturama

Entretenimento

Livre

Misturama

Programa

Comentários:

0 comentários: