Você e Eu: Capítulo 22 - WebTV - Compartilhar leitura está em nosso DNA

O que Procura?

HOT 3!

Você e Eu: Capítulo 22

Novela de Fran Vicentini
Compartilhe:







VOCÊ E EU - CAPÍTULO 22
 


CENAS DO CAPÍTULO ANTERIOR:

O motorista buzina assustando-a. o carro freia antes de atingi-la. Ela cai, apavorada e no baque os óculos voam longe. O motorista sai, preocupado. É Raúl.

Raúl: Meu Deus, senhorita...

Graziela olha para ele, que fica perplexo.

Raúl: Não pode ser...!




Cena 1 – Ruas da cidade do México / Ext. / Dia. 

Continuação do capítulo anterior. Curiosos se aproximam para ver o acidente. Raúl não acredita no que vê.

Raúl (espantado): Não pode ser meu Deus! É você Graziela? Onde você esteve esse tempo todo?

Ele a ajuda a se levantar. Ela tenta esconder o rosto.

Graziela: Me tira daqui Raúl. Me leve pra algum lugar... As pessoas vão me reconhecer.

Raúl: Vou levar você pra casa.

Graziela: Não! Tudo menos isso.

Raúl: Confia em mim.

Ele a conduz ao carro imediatamente.

Cena 2 – Fazenda Reys / Casa Flora / Ext.

Miguel entra, arrasado. Ele senta-se a mesa.

Miguel: Ela se foi... (voz embargada) Eu juro, tia. Eu juro que não traí a Marisol. Eu fui à festa ontem e não me lembro de mais nada. Quando acordei, achei isso aqui...

Flora pega o bilhete e lê.

Flora: Pelo jeito os filhos do patrão armaram um plano pra separar vocês dois.

Miguel: A bebida! A bebida que eles me deram... (bravo) Eu mato aqueles dois! Eu mato a Susana e o Silas!

Flora: Você não vai matar ninguém. Nada trará a Marisol de volta.

Cena 3 – Fazenda Reys / Casa Grande / Escritório / Int.

Manoel está assinando os documentos quando Susana entra.

Susana: Pai. Eu andei pensando bem e resolvi que o melhor pra mim é voltar pro exterior. Eu não consigo me adaptar a essa vida na fazenda. Tudo me deixa aborrecida. Eu passo horas sem fazer nada e... Eu poderia voltar pro nosso apartamento de Londres. Quem sabe se o senhor aceitar eu poderia levar o Silas junto...

Manoel (desconfiado): Você nunca se deu bem com o seu irmão. E eu não entendo porque essa atitude repentina de voltar pra Londres.

Susana: Ai pai, é uma coisa minha. Vir pra esse fim de mundo foi a pior coisa que eu podia ter feito, total retrocesso. Por favor, permita. O Silas pode tomar um rumo na vida, pode arrumar um trabalho...

Manoel: Vendo por esse lado, até que não seria má ideia. Você já conversou com ele?

Susana: Sim. Ele está com muita vontade de ir comigo. Permita, por nós dois. Me ajude a mudar o jeito irresponsável do meu irmão e me deixe voltar pro lugar que me faz feliz. Em Londres também estão meus amigos, minha vida.

Manoel mostra-se indeciso.

Cena 4 – Apartamento Jorge / Int.

Jorge: Então você já voltou, minha querida?!

Natália (sorridente): Sim...

Ela abre a maleta e mostra as notas de dinheiro.

Natália: O idiota do Manoel me deu toda essa grana. Vamos gastar juntos, Jorge.

Ele a abraça.

Natália: Sabe, meu amor. Aconteceu uma coisa estranha nessa minha ida a fazenda.

Ele continua beijando-a e nem presta atenção.

Natália: Pode parecer loucura, mas eu vi uma jovem idêntica a minha filha, Graziela.

Jorge solta Natália e olha espantado.

Jorge: O que você disse?

Natália: Que estive com uma jovem idêntica a minha filha Graziela... Igualzinha. Ela me impressionou muito, a ponto de me confundir e me fazer pensar que, de repente, sei lá!

Jorge (pensando/nervoso):
Não é que a princesa está morando com o peão mesmo?! Vou conseguir o endereço dessa fazenda e eu mesmo vou buscá-la... Você não me escapa, Graziela Drumon.

Cena 5 – Apartamento Raul / Sala / Int.

O local é requintado, bem decorado e espaçoso. No sofá verde lodo, Raúl oferece uma caneca de café a Graziela, que está de banho tomado.

Graziela: E foi isso que aconteceu. Depois do sequestro, fui morar com a família do peão que me salvou. Me apaixonei por ele como uma idiota, e mais uma vez fui traída.

Raúl abraça Graziela.

Raúl: Por favor, não se abale tanto. Você tem que dar graças a Deus por estar viva, por ter sido salva desse sequestrador maluco.

Graziela: É, você tem razão. O lado bom disso tudo é que nesses meses em que convivi com a Família Gomes, eu aprendi muitas coisas. Aprendi a ser mais humilde, a ver as coisas de outra maneira. Aprendi o que era realmente uma amizade verdadeira, o carinho de uma família; a sobreviver em uma situação precária, onde uns ajudam os outros. Aprendi a amar de verdade! Mas a dor que senti quando descobri a traição daquele canalha foi a pior dor que eu senti na minha vida, porque eu o amava mais do que tudo, mais que minha própria vida.

Raúl: Eu lamento muito, Graziela, mas tenho certeza que você aprendeu várias lições que nunca vai esquecer, e isso é bom pro seu amadurecimento, pra que você possa agir.

Graziela: Agir... Eu não pretendo voltar a minha vida de antes. Tenho que agir. Eu não vou ser a mesma de antes, isso você pode ter certeza. Aprendi a defender o que é meu e não vou mais ser humilhada, mal tratada.

Raúl: Eu sei que você já descobriu a morte do seu Otávio.

Graziela: Sim, e fiquei muito triste. Eu o amava muito... Foi um choque e por muito pouco não deixei meu disfarce ir por água abaixo.

Raúl: Mas acho que você ainda não sabe nada sobre o testamento...

Graziela: Testamento?

Raúl: Otávio deixou tudo pra você. E eu estou administrando os seus bens.

Graziela: Como assim deixou tudo pra mim? Todos não pensavam que eu estava morta?

Raúl: Mas Otávio ainda acreditava que você estava viva. Não sei, acho que era pressentimento de pai. Ele falava tão convicto, que ninguém duvidava. Bem, vou te contar tudo que aconteceu com a família Drumon, desde que você foi dada como morta.

Cena 6 – Passagem de Tempo

Fade in: La despedida - Daddy Yankee

Flashes da cidade do México e sua movimentação diária. Monumentos históricos, prédios, vilas e cortiços. Corta para. Fazenda Reys. O verde das matas que rodeiam o lugar. Manoel no estábulo de cavalos inspecionando o trabalho dos peões.  

LEGENDA: Dias depois.

Corta para. Cidade do México. Igreja. Int. acontece a cerimônia de casamento entre Raúl e Mariana. O padre dá a benção final, os convidados, de pé, aplaudem. Corta para.

Fade out: La despedida - Daddy Yankee

Cena 7 – Casa Família Drumon / Sala de Estar / Int.

A festa de casamento de Raúl e Mariana está animada.

Mariana: Nem acredito que já sou sua esposa, Raúl.

Raúl: Hoje é o dia mais feliz da minha vida.

Os dois se beijam, enquanto os convidados da festa se divertem. Natália convida a todos.

Natália: Vamos, vamos brindar a felicidade dos noivos!

Todos se juntam ao redor da mesa onde está o bolo, depois dos noivos partirem o primeiro pedaço.

Natália: Viva aos noivos!

As pessoas se confraternizam, felicitam o casal. As portas da mansão se abrem, Graziela entra, triunfante. Mariana percebe e olha, assustada. Graziela bate palmas, sorrindo. Os convidados também se assustam ao reconhecerem Graziela.

Graziela: Eu também quero brindar com vocês...

Ela pega uma taça na mesa, ergue e recoloca no lugar.

Natália (perplexa): Graziela!

Luis Felipe: Eu sabia! Eu sabia que era você naquele hospital!

Paola: Não pode ser!

Paola desmaia nos braços de Luis Felipe.

Mariana (grita): Você está morta!

Os convidados começam a cochichar. Graziela ri, irônica, e cumprimenta os convidados.

Graziela: Pois estão vendo que estou perfeitamente bem.

Luis Felipe e Natália levam Paola para o sofá.

Raúl: Por favor, peço desculpas aos convidados, mas teremos que cancelar a festa.

De pouco em pouco os convidados vão saindo. Paola vai se recuperando aos poucos.

Mariana: Onde você estava esse tempo todo? Pensávamos que você estava morta... E justo no dia do meu casamento você reaparece?

Natália: Era você, não é? Era você que estava na fazenda dos Reys? Marisol Gomes... Marisol Gomes, não é?

Graziela: Sim era eu mesma. Marisol Gomes que viveu muito bem no tempo que esteve lá. Melhor do que todos os anos em que esteve nessa casa com essa família que nunca me quis bem, que sempre estiveram contra mim.

Mariana: Por que fez isso? Por que nos deixou preocupados pensando que tinha morrido... Se papai morreu foi sua culpa! Morreu de desgosto por ter a filha mais amada morta.

Graziela (grita): Otávio não era meu pai! Se morreu não foi culpa minha, por que eu não saí dessa casa porque quis! Fui sequestrada!

Luis Felipe: Sofremos muito a sua suposta morte.

Graziela (rindo ironicamente): Sofreu tanto que se casou com a Paola não foi? Me espanta ver como vocês são mesquinhos e falsos.

Natália vai até a filha e a puxa com violência.

Natália: Por que não me disse que era você na fazenda?

Graziela empurra mãe com raiva e grita.

Graziela: Não vou permitir que você me toque! Não vou ser a mesma de antes! Não vou aceitar tudo calada! Agora sou outra mulher! Não estou disposta a sofrer mais!

Natália: Aprendeu a ser selvagem com aquele peão? Miguel Gomes não é?

Graziela: Não diga o nome dele ouviu? Nunca mais! Estou aqui pra reclamar o que é meu por direito. Sei que Otávio deixou tudo pra mim.

Mariana: Ele deixou para o meu marido.

Raúl: Você sabe que não, Mariana.

Graziela: Raúl me perdoe, eu não queria ter estragado a sua festa de casamento. (a Mariana) Está tão preocupada assim com o dinheiro do seu marido? Pois está escrito no testamento que Otávio deixaria toda a sua fortuna a Raúl, no entanto, se eu retornasse tudo seria meu.

Natália: Como sabe disso?

Graziela: Sei de muitas coisas, mãezinha. Diante disso tudo, as coisas vão mudar por aqui. Se querem continuar a viver na minha casa, terão que aceitar a minha maneira. As minhas condições.

Paola (inconformada): Você não pode fazer isso! Nem filha legítima do meu pai você era... Por que vai ficar com tudo?

Graziela: Posso não ter sido filha dele, mas o amei como se fosse meu pai de sangue. Dei todo o meu carinho a ele. Coisa que você não fez, pois sempre esteve ao lado de Natália.

Todos ficam calados.

Graziela: Pra começar quero dizer que Raúl vai continuar administrando a minha herança. Confio nele. Paola e Luis, se quiserem continuar morando aqui, quero deixar claro que não vou aceitar brigas e muito menos que você fique sem fazer nada Luis Felipe. Vá trabalhar! Faça alguma coisa. Não vou aceitar que vocês morem aqui de graça!

Luis Felipe: O que é isso, princesa?

Graziela: Nunca mais me chame assim. Muito menos fale comigo. Quanto a você, Natália...

Mariana: Como você pode tratar a mamãe assim Graziela?

Graziela: Eu a trato como ela merece. Também não dirija a palavra a mim, Natália. Não vou mais sustentar os seus luxos, vai viver com aquilo que eu determinar que seja o necessário, ouviu bem?!

Natália (ódio): Sua cachorra, desgraçada...!

Natália vai partir pra cima de Graziela, mas é impedida por Raúl e Luis Felipe. Graziela ri, debochada.

Graziela: Não seja patética. Bom, vou pro meu quarto. Estou cansada, não quero ser incomodada. Lar doce lar...! 

Ela se retira, triunfante, sob os olhares tortos dos familiares.



novela de
Francyslaine Vicentini

elenco
Thalia como Graziela Drumon / Marisol Gomes
Juan Pablo Gamboa como Miguel Gomes
Ludwika Paleta como Susana
Gabriel Soto como Silas
Enrique Lizalde como Manoel
Daniela Romo como Natália
Eduardo Santamarina como Luís Felipe
Arleth Terán como Paola
Miguel de León como Raúl
Karyme Lozano como Mariana
Isaura Espinoza como Flora

Lisette Morelos como Lupita
Arath de la Torre como Marcelo
Luis Roberto Gusmán como Jorge
Natasha Dupeyrón como Gabriela
Ramiro Torres como Rodrigo

participações especiais
Joaquín Cordero como Otávio
Sebastian Rulli como Marcio

segunda fase
Jan como Mariano Del Río
Anahí como Gabriela Reys
Eduardo Verastegui como Rodrigo Gomes
Natalia Juárez como Joana Reys Gomes
Daniela Aedo como Adriana/Adriano

Martín Ricca como Enrique
Raquel Olmedo como Mercedes
César Évora como Ângelo

trilha sonora
Tú y yo - Thalia (abertura)
La despedida - Daddy Yankee

produção
Bruno Olsen
Diogo de Castro
Israel Lima



Esta é uma obra de ficção virtual sem fins lucrativos. Qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.




REALIZAÇÃO



Copyright 
© 2005 - WebTV
www.redewtv.com

Todos os direitos reservados
Proibida a cópia ou a reprodução

Compartilhe:

10 anos

Capítulos de Você e Eu

Drama

No Ar

Romance

Você e Eu

Comentários:

0 comentários: